Governança favorece cotações e resultados operacionais

Governança Corporativa/Temas/Edição 73 / 1 de setembro de 2009
Por 


Uma pesquisa inédita mostra os impactos da boa governança no desempenho das ações e nos dados operacionais de companhias latino-americanas. O trabalho é parte do livro Practical Guide to Corporate Governance – Experiences from the Latin American Companies Circle, elaborado pelo Latin America Companies Circle, grupo formado com o apoio do International Finance Corporation (IFC) e organizado pela consultora Sandra Guerra, sócia da Better Governance. O lançamento da publicação aconteceu no último dia 8, em Nova York.

Em um período de dez anos finalizados em 2008, o portfólio das 14 empresas que compõem o Círculo de Companhias acumulou valorização, em dólares, de 1.455%. No mesmo intervalo, um portfólio hipotético de mais de mil empresas latino-americanas acumulou alta de apenas 241%. Comparado ao desempenho das emissoras de ADRs, o cenário é ainda mais discrepante. Nesse mesmo período, um grupo de 113 companhias latinas com recibos de ações negociados nos Estados Unidos e, portanto, sujeitas à Lei Sarbanes Oxley, gerou valorização de 132%. “As companhias do círculo adotaram várias melhorias de governança que foram além dos requisitos aplicáveis aos emissores de ADR”, avalia o estudo.

A análise dos indicadores operacionais das empresas do Companies Circle também evidencia o retorno que a governança pode gerar. Em 2008, a margem Ebitda média das companhias do Círculo foi de 18,6%, ante 13,7% da carteira hipotética.
A média do retorno sobre o patrimônio (ROE) foi de 7,6% contra 6,1%.

A publicação é resultado de iniciativas conjuntas do IFC, organismo do Banco Mundial; da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OECD); e do Global Corporate Governance Forum. “O livro atende os mais céticos e os que querem sustentar suas mudanças no campo da governança”, diz Sandra.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Básica

R$ 36 00

Mensal

Acesso Digital
-
Desconto de 10% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Completa

R$ 42 00

Mensal

Acesso Digital
Edição Impressa
Desconto de 10% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Corporativa

R$ 69 00

Mensal

Acesso Digital - 5 senhas
-
Desconto de 15% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Clube de conhecimento

R$ 89 00

Mensal

Acesso Digital - 5 senhas
-
Desconto de 20% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital | Acervo de Áudios



Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Governança IFC Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Mercado prepara lançamento de ETFs
Próxima matéria
Bancos são autorizados a emitir ADRs com direito a voto



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Mercado prepara lançamento de ETFs
A família dos Exchange Traded Funds (ETFs) brasileiros, fundos que acompanham índices de ações e cujas cotas são negociadas...
{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}