Temporada de julgamentos de executivos nos EUA

Governança / Edição 23 / 1 de julho de 2005
Por 


Enron, Worldcom, Tyco e Adelphia foram alguns dos principais escândalos corporativos ocorridos em 2001 e 2002 que culminaram na aprovação da lei Sarbanes-Oxley. Este ano, seus antigos CEOs e CFOs vêm sendo condenados em uma verdadeira temporada de julgamentos. O ex- CEO da Worldcom, Bernie Ebbers, foi o primeiro a ser julgado e condenado sob nove acusações. Sua sentença definitiva ainda será divulgada, e deverá ficar em torno de 25 anos de prisão. O ex-CEO da Tyco Dennis Koslowski e seu CFO Mark Swartz tiveram um primeiro julgamento anulado, sendo condenados no segundo. Suas sentenças serão divulgadas em agosto, e estima-se que receberão 30 anos de prisão.

O julgamento mais recente, finalizado após cinco meses no último dia 21 de junho, foi o do ex-CEO da Adelphia, John Rigas, e do ex-CFO da companhia, seu filho Timothy Rigas. Ambos foram declarados culpados por fraude bancária e de títulos corporativos que levaram a sexta maior operadora de TV a cabo dos Estados Unidos à falência. O pai e ex-CEO, de 80 anos de idade, foi condenado a 15 anos de prisão, enquanto seu filho foi condenado a 20 anos. Segundo o juiz do caso, Leonard Sand, “se não fosse pela idade e saúde do acusado, a pena imposta ao ex-CEO seria ainda maior”. De acordo com o juiz, “John Rigas promoveu um dos maiores esquemas de “self-dealing” e fraudes financeiras da história corporativa norte-americana”. Um dos argumentos utilizados pelo advogado de defesa foi o de que muitas pessoas da cidade natal de Rigas e antiga sede da Adelphia, Coudesport, haviam se beneficiado das suas obras de caridade. Como resposta, o juiz Sand sentenciou que “ser filantropo com dinheiro dos outros não é algo muito persuasivo”. O principal julgamento da temporada ainda está por vir: em janeiro do próximo ano serão julgados os principais executivos da Enron, Andrew Fastow e Kenneth Lay.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  EUA Sarbanes-Oxley Enron Worldcom Tyco Adelphia Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Uma alternativa ao tag along
Próxima matéria
Guia de referência para quem quer se aprimorar




Recomendado para você




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Uma alternativa ao tag along
As regras para alienação de controle de companhias abertas têm provocado controvérsias desde os trabalho legislativos...