B3   |   Edição 25

Bolsa expande programa de formador de mercado

Quem atua no mercado financeiro sabe bem que liquidez é uma variável importante a ser considerada na hora da definição de qualquer tipo de estratégia de investimento. Zelar pela liquidez dos mercados em que atua é preocupação-chave para a Bolsa e, por isso, estamos expandindo nosso programa de …



Quem atua no mercado financeiro sabe bem que liquidez é uma variável importante a ser considerada na hora da definição de qualquer tipo de estratégia de investimento. Zelar pela liquidez dos mercados em que atua é preocupação-chave para a Bolsa e, por isso, estamos expandindo nosso programa de formador de mercado.

O formador de mercado é responsável por colocar preços de compra e venda para uma quantidade mínima de ativos durante todo o pregão, respeitando um intervalo máximo entre as ofertas. Na prática, isso implica melhor formação de preço do ativo, o que pode resultar no aumento da liquidez e na consequente atração de mais investidores para os produtos negociados.

Hoje, grande parte dos ativos e derivativos negociados na Bolsa conta com um formador de mercado e a BM&FBOVESPA empenha esforços constantes para expandir essa atividade. Cerca de 250 produtos negociados na Bolsa têm formador de mercado e há mais 17 programas em aberto para credenciamento de novos formadores.

Como funciona?

É função da Bolsa monitorar as atividades dos Formadores de Mercado e exigir atuação dentro de parâmetros predefinidos (como quantidade mínima em cada oferta e spread máximo de preços), de forma a garantir que o investidor consiga entrar ou sair de uma posição a qualquer momento e que tenha uma referência de preço contínua.

No mercado à vista, o emissor dos ativos é o responsável pela contratação do formador de mercado (para produtos como ações, títulos de renda fixa, BDRs não patrocinados e ETFs), enquanto a Bolsa analisa e aprova os parâmetros de atuação propostos.

Já, no mercado de derivativos, é a própria Bolsa que seleciona os formadores de mercado e estabelece os parâmetros de atuação.

Saiba mais sobre os programas:

• Formador de mercado para produtos negociados no mercado à vista (Clique em Empresas com Formador de Mercado > Renda Variável ou Renda Fixa)

• Formador de mercado para derivativos do segmento Bovespa (Clique em Empresas com Formador de Mercado > Opções sobre Ações e Índices)

• Formador de mercado para derivativos do segmento BM&F (Clique em Contratos com Formador de Mercado)


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Quero me cadastrar!

Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui > 2

teste

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  bmfbovespa Bolsa Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
BM&FBovespa propõe deixar saída do Novo Mercado nas mãos de minoritários
Próxima matéria
Mercado calcula impacto do plano de recuperação judicial da Oi



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





APROVEITE!

Adquira a Assinatura Superior por apenas R$ 0,90 no primeiro mês e tenha acesso ilimitado aos conteúdos no portal e no App.

Use o cupom 90centavos no carrinho.

A partir do 2º mês a parcela será de R$ 48,00.
Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.

Leia também
BM&FBovespa propõe deixar saída do Novo Mercado nas mãos de minoritários
A BM&FBovespa apresentou, no dia 27 de junho, propostas de novas regras para os níveis diferenciados de governança...