SEC quer que companhias divulguem se funcionários podem fazer hedge de ações

12/2/15



A Securities and Exchange Commission (SEC) quer obrigar as companhias abertas americanas a dizer publicamente se autorizam seus executivos a fazer hedge do valor de ações e opções concedidas como remuneração. A iniciativa faz parte das atribuições que couberam à SEC na reforma proposta pela Lei Dodd-Frank, em vigor desde 2010.

Em comunicado, a presidente do regulador local, Mary Jo White, afirmou que a proposta visa ajudar o investidor a entender se os interesses dos administradores estão alinhados com os dos acionistas. A SEC propõe que a informação conste nos materiais de assembleia para eleição de conselheiros.

Segundo informação publicada na Covington’s Employee Benefits & Executive Compensation, 93% das companhias abertas americanas já tornam públicas suas políticas de hedge. Isso sugere que as regras propostas não devem alterar significativamente as práticas de divulgação das organizações. Espera-se, no entanto, um aumento na quantidade de informação disponibilizada, já que a SEC quer que as empresas também digam se permitem o hedge para valores mobiliários de sua controladora, controlada ou subsidiária.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Quero me cadastrar!

Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui > 2

teste

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  SEC CAPITAL ABERTO mercado de capitais hedge divulgação Lei Dodd-Frank Mary Jo White Covington’s Employee Benefits & Executive Compensation Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Sem papas na língua
Próxima matéria
Tentativa de reação



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





APROVEITE!

Adquira a Assinatura Superior por apenas R$ 0,90 no primeiro mês e tenha acesso ilimitado aos conteúdos no portal e no App.

Use o cupom 90centavos no carrinho.

A partir do 2º mês a parcela será de R$ 48,00.
Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.

Leia também
Sem papas na língua
O antigo diretor-presidente da Microsoft, Steve Ballmer, deixou a companhia com fama de teimoso e irritadiço. O comportamento...