Pesquisar

|

|

Pesquisar
Close this search box.
O ano da governança

As boas práticas de governança nas empresas vieram demonstrar que, para a sustentabilidade e a perenidade de uma corporação, é necessário estar alinhado com padrões e normas internacionais, ser responsável socialmente e com o meio ambiente, ser transparente, entre outras ações que se resumem em boas práticas.

Indicadores econômicos apontam que 2008 deve ser o ano da boa governança. Inflação controlada, queda da taxa de juros, crescimento do PIB na casa dos 5% ao ano, desempenho exportador vigoroso, entre outros fatores. Numa rápida análise sobre alguns setores específicos da economia brasileira, observamos que os preços internacionais dos principais produtos agrícolas devem continuar valorizados no mercado internacional. O desempenho da indústria sucroalcooleira manterá seu vigor, com grandes perspectivas de crescimento em 2008, sobretudo a produção de álcool combustível para exportação. Muitas empresas desse segmento já focam o mercado de capitais, porém precisam estar alinhadas com as boas práticas de governança.

A boa governança proporciona aos acionistas uma gestão estratégica. Sua linha mestra envolve transparência, confiabilidade, eqüidade, valores e padrões éticos

Os principais aspectos que levam as organizações a aprimorar suas práticas de governança, além dos aspectos regulatórios, são os seguintes: pressões de parceiros e clientes externos; estratégia de diferenciação na captação de recursos; vantagem competitiva em relação à concorrência; análise do processo de abertura de capital (IPO); perspectiva de venda da companhia; e busca de melhores práticas para os negócios.

A adoção da governança corporativa tem papel importante no atendimento dos quesitos regulatórios da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e da Securities and Exchange Commission (SEC — para os casos de subsidiárias internacionais) e, também, para proporcionar maior atratividade e confiança dos investidores locais e internacionais. A governança proporciona aos acionistas uma gestão estratégica que interfere diretamente na direção executiva de uma corporação, assegurando o controle da gestão, do conselho administrativo, do conselho fiscal e do trabalho de auditoria independente. A linha mestra da governança corporativa envolve transparência, eqüidade e prestação de contas.

Estudos apontam que, aproximadamente, 80% das companhias e entidades americanas sem fins lucrativos estão aderindo e incrementando as boas práticas de governança. Diversos organismos e instituições internacionais relacionam a governança a um ambiente corporativo equilibrado e de boa qualidade.

Definir o que são, de fato, as boas práticas de governança corporativa não é difícil. Na avaliação de uma boa estrutura pode-se ter: responsabilidade social, valores e padrões éticos; auditoria interna e externa; transparência e confiabilidade; independência e responsabilidades da diretoria no que se refere ao relacionamento com clientes, acionistas, comunidade e demais “stakeholders”; independência do conselho de administração ; abrangência das funções e das atividades de controle e gerenciamento de riscos através de comitê de auditoria e procedimentos para avaliar, remunerar e, se necessário, modificar a administração.

Para o mercado de capitais, 2007 foi um grande ano. Agora, 2008, baseado nas expectativas de crescimento da economia brasileira e mundial associadas aos resultados das boas práticas de governança corporativa, poderá ser considerado o “ano da governança”.


Para continuar lendo, cadastre-se!
E ganhe acesso gratuito
a 3 conteúdos mensalmente.


Ou assine a partir de R$ 34,40/mês!
Você terá acesso permanente
e ilimitado ao portal, além de descontos
especiais em cursos e webinars.


Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o limite de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês.

Faça agora uma assinatura e tenha acesso ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais


Ja é assinante? Clique aqui

Acompanhe a newsletter

Leia também

mais
conteúdos

APROVEITE!

Adquira a Assinatura Superior por apenas R$ 0,90 no primeiro mês e tenha acesso ilimitado aos conteúdos no portal e no App.

Use o cupom 90centavos no carrinho.

A partir do 2º mês a parcela será de R$ 48,00.
Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.