Taiwan e Mumbai criam índices para emprego e Islã



As Bolsas de Taiwan e Mumbai criaram índices de ações diferenciados. Saindo da mesmice dos indicadores compostos de empresas “verdes”, a bolsa chinesa lançou o Taiwan Employment Creation 99 Index, que abriga as 99 companhias que mais criaram oportunidades de trabalho no país. A iniciativa tem como objetivo incentivar as empresas listadas a colocar mais ênfase na responsabilidade social através da criação de vagas de emprego. Atualmente, o índice é constituído por 18 companhias dos setores bancário e de seguros, 48 de tecnologia e 33 de outras indústrias. A Cathay Financial Holdings é o destaque do índice, empregando 43.340 pessoas em Taiwan.

Já a Bolsa de Mumbai lançou o BSE Tasis Shariah 50 Index, primeiro índice indiano formado por companhias que seguem as leis do Shariah, o código de conduta da religião islâmica. Dentre outras coisas, ele proíbe o investimento em negócios relacionados à produção de armas, bebidas alcoólicas e tabaco. O BSE Tasis Shariah abriga as 50 companhias com ações mais líquidas na Bolsa de Mumbai que estão em conformidade com a lei islâmica.

“A introdução desse índice dará aos islâmicos e a outros investidores socialmente responsáveis a oportunidade de acessar o mercado indiano. A novidade vai ajudar a atrair capital do Golfo, da Europa e do Sudeste Asiático para a Índia”, acredita Madhu Kannan, CEO da Bolsa de Mumbai. Hoje, a Bolsa de Mumbai tem o maior número de companhias listadas compatíveis com as leis do Shariah no mundo.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Quero me cadastrar!

Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui > 2

teste

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  mercado internacional bolsa de valores Índices de ações Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Acionistas brigam por plano de sucessão na Apple
Próxima matéria
FSA quer regras mais rigorosas para serviços financeiros



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.