SEC multa uma bolsa de valores pela primeira vez

Captação de recursos/Temas/Internacional/Edição 110 / 1 de outubro de 2012
Por 


A Securities and Exchange Commission (SEC ) multou, pela primeira vez, uma Bolsa de Valores. A New York Stock Exchange (Nyse) vai pagar US$ 5 milhões para encerrar uma acusação de que forneceu dados de mercado para um grupo restrito de clientes antes de fazê-lo a todo o mercado. A sanção foi imposta com base na regulação do National Market System (NMS), que determina que informações sobre o mercado (preço e volume de negócios, por exemplo) sejam distribuídas para os investidores ao mesmo tempo, garantindo a formação de um mercado justo.

A SEC alega que, “durante um longo período” a partir de 2008, a Nyse enviou cotações e preços de negociação para seus assinantes pagos antes que esses dados fossem consolidados e distribuídos para o mercado. “O acesso antecipado a informações, mesmo que por milissegundos, representa hoje uma real e substancial vantagem para alguns investidores, em detrimento dos aplicadores de varejo e de longo prazo”, explica Robert Khuzami, diretor da divisão de enforcement da SEC.

No processo, o regulador alega que a Nyse falhou em não envolver o departamento de compliance em decisões tecnológicas importantes, incluindo o desenvolvimento, a implementação e a operação dos sistemas de informações. Ao adotar essa postura, a Bolsa perdeu a oportunidade de evitar erros de execução. Diante disso, a Nyse concordou em contratar um consultor independente para revisar seus sistemas de compliance. Do modo como o caso foi encerrado, a Bolsa de Nova York não é obrigada a declarar sua inocência ou culpa.




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  SEC Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Moedas em pé de guerra
Próxima matéria
Conselheiros estão trabalhando mais, indica PwC



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Moedas em pé de guerra
Quando se fala em controle de preços, minha geração sempre se lembrará do Plano Cruzado de 1986 e dos "fiscais do Sarney"...