Índice reformulado

Captação de recursos/Seletas/Edição 122 / 1 de outubro de 2013
Por 


A BM&FBovespa anunciou em meados de setembro a nova metodologia do Ibovespa, que valerá a partir de maio de 2014. A principal mudança foi a ponderação (peso no índice) conforme o valor de mercado das ações em circulação (free-float) da companhia, e não mais pelo critério de liquidez. Foi decidido também que papéis com valor inferior a R$ 1,00 não poderão mais compor o índice — o que excluirá as voláteis ações da OGX — e que nenhum papel poderá representar mais de 20% do indicador. Segundo o Credit Suisse, após a alteração, devem entrar no índice empresas como Even, BB Seguridade e Qualicorp, enquanto B2W, OI ON, Vanguarda e Usiminas ON tendem a sair. Para Pedro Cerize, sócio da gestora de recursos Skopos, a mudança representa um grande passo, mas a manutenção do índice de negociabilidade (IN) como critério para auferir a liquidez dos papéis é um equívoco. “Essa não é uma variável independente. Quando a ação entra no índice, ela ganha uma liquidez artificial”, diz. Na visão do gestor, a métrica para ingresso deveria ser somente o market cap da companhia.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 4,90 (nos 3 primeiros meses).
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Básica

R$ 4, 90*

Nos três primeiros meses

01 Acesso Digital
-
10% de Desconto em grupos de discussão e workshops
10% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$36,00

Completa

R$ 9, 90

Nos três primeiros meses

01 Acesso Digital
01 Edição Impressa
10% de Desconto em grupos de discussão e workshops
10% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$42,00

Corporativa

R$ 14, 90

Nos três primeiros meses

05 Acessos Digitais
01 Edição Impressa
15% de Desconto em grupos de discussão e workshops
15% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$69,00

Clube de conhecimento

R$ 19, 90

Nos três primeiros meses

05 Acessos Digitais
01 Edição Impressa
20% de Desconto em grupos de discussão e workshops
20% de Desconto em cursos
Acervo Digital
com áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$89,00

**Áudios de todos os grupos de discussão e workshops.




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  bmfbovespa OGX liquidez Ibovespa CAPITAL ABERTO mercado de capitais free float Credit Suisse ponderação Pedro Cerize índice de negociabilidade market cap Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Fundos de hedge usam imagens de satélite
Próxima matéria
Nyse investe em empresas não listadas



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Fundos de hedge usam imagens de satélite
Antes de investir em uma empresa de mineração, é melhor checar quais são as condições de seus ativos. A mina polui...