Private Equity e Investimento Imobiliário

Aqueles que souberem surfar nas ondas dessa ainda desconhecida tsunami poderão obter retornos expressivos em seus investimentos



A recente crise financeira internacional deverá ter suas ramificações no mercado brasileiro, na medida em que, com a globalização, nenhuma economia do mundo está imune aos soluços das grandes economias mundiais. No entanto, geralmente, os momentos de crise se colocam como momentos de grandes oportunidades. Aqueles que souberem surfar nas ondas dessa ainda desconhecida tsunami poderão obter retornos expressivos em seus investimentos e, sem dúvida, o mercado imobiliário brasileiro pode ser um dos ramos em que tais oportunidades tendem a aparecer.

O setor residencial
O setor imobiliário residencial no Brasil apresentou considerável aumento de atividade nos últimos anos, graças aos esforços governamentais, através de incentivos criados para o aumento da oferta de financiamento imobiliário e ao cenário econômico favorável. Entre 2005 e 2007, 21 empresas do ramo imobiliário abriram seu capital e passaram a ter suas ações negociadas na bolsa de valores. Com os recursos levantados na bolsa, essas empresas adquiriram terrenos para compor o seu land bank e agora necessitarão de mais recursos para desenvolver seus projetos, não obstante a revisão de lançamentos que deve advir com a crise financeira mundial. Conforme estudo realizado pelo Morgan Stanley, publicado na revista “Valor Investe” de julho de 2008, tais companhias precisariam levantar R$ 7,6 bilhões para realizar investimentos até o próximo ano. Ao mesmo tempo, as empresas do ramo imobiliário que não abriram o capital buscam alternativas de financiamento de suas atividades. Com o recente fechamento do mercado de crédito, alternativas de financiamento dessas empresas podem passar pelo setor de venture capital, que tem no mercado brasileiro uma gama de estruturas disponíveis para a implementação de suas atividades. Ademais, confirma-se, ainda, a tendência de consolidação das 21 empresas do ramo imobiliário de capital aberto, com os recentes anúncios das operações envolvendo a aquisição dos negócios de corretagem da Abyara pela Brasil Brokers; da Tenda pela Gafisa; e da Company pela Brascan. Outras operações similares no setor ainda deverão ser anunciadas, o que também pode significar oportunidades para os fundos de private equity.

O setor industrial
Tradicionalmente, as empresas brasileiras são proprietárias de suas fábricas e centros de distribuição. Nos últimos anos, verificou-se uma tendência de desimobilização desses tipos de ativos para investidores imobiliários, com algum tipo de garantia de ocupação, seja através de contrato de aluguel, seja através de constituição de direito real de superfície. Recentemente, foi anunciada uma joint venture entre a Cyrela Commercial Properties e a empresa de investimentos imobiliários americana AMB Property Corporation para o desenvolvimento de projetos desse tipo.

O setor imobiliário e o futuro
Segundo dados da Associação Brasileira de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), o montante de empréstimos com os recursos da poupança atingiu R$ 9,74 bilhões entre janeiro e maio de 2008, sendo 75,9% maior do que o volume atingido no mesmo período de 2007. O Banco Central do Brasil tem considerado esse crescimento como uma tendência, baseado no fato de que o financiamento do setor imobiliário representa hoje apenas 1,7% do PIB. Caso essas premissas se confirmem, nos próximos cinco anos, o mercado imobiliário no Brasil será ao menos três vezes maior do que ele é hoje.

Apesar do aumento da instabilidade externa e da recomendação de que as análises de investimento sejam feitas com maior critério, o momento do setor imobiliário no Brasil apresenta oportunidades interessantes, que podem ser exploradas pelo setor de private equity.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Quero me cadastrar!

Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui > 2

teste

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  investimentos Private equity e venture capital Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Destaques do caminho
Próxima matéria
Mais pedras no caminho



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





APROVEITE!

Adquira a Assinatura Superior por apenas R$ 0,90 no primeiro mês e tenha acesso ilimitado aos conteúdos no portal e no App.

Use o cupom 90centavos no carrinho.

A partir do 2º mês a parcela será de R$ 48,00.
Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.

Leia também
Destaques do caminho
Para os que preferem o processo da busca à conquista do resultado, a adesão às práticas de governança corporativa é um bom exercício....