SulAmérica prepara manual para conselheiros

Governança Corporativa/Temas/Edição 72 / 1 de agosto de 2009
Por 


A efetividade dos conselhos de administração é um dos temas mais debatidos hoje nos fóruns de governança corporativa em todo o mundo. Depois de uma década batalhando para que as companhias atribuíssem aos conselhos o papel de supervisão que lhes cabe e contratassem membros independentes para integrá-los, o desafio agora é garantir que as pessoas escolhidas sejam as melhores e as mais capacitadas. Na SulAmérica, o tema foi tratado sem melindres. Todo conselheiro de administração e fiscal ganhou um manual básico de orientação, com todas as informações de que precisa para desempenhar a atividade.

O conteúdo inclui, dentre outros itens, o estatuto social da SulAmérica, a política de divulgação de ato ou fato relevante, o código de ética, as regras de compliance, o regulamento do Nível 2, ao qual a companhia pertence, resumo esquemático da estrutura de governança, e um breve currículo dos membros do conselho. A ideia de criar o manual surgiu após a SulAmérica realizar uma pesquisa com os conselheiros. “Percebemos que alguns não estavam totalmente informados sobre o arcabouço legal ou tributário que sustentava o seu papel no conselho. Por isso, decidimos elaborar um manual distinto para cada um dos dois órgãos, com o intuito de torná-los mais efetivos”, afirma Arthur Farme d’Amoed Neto, vice-presidente de Relações com Investidores da SulAmérica.

Segundo ele, essa iniciativa ganha igual relevância para os membros do conselho fiscal, que se renovam com maior frequência. “Com essa proposta, esperamos que os conselheiros entendam rapidamente qual a sustentação jurídica e normativa do órgão no qual atuam e o que a companhia espera de sua atuação”, finaliza.




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  SulAmérica conselhos de administração Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Braskem quer atrair fundos verdes no exterior
Próxima matéria
SEC põe fim ao voto de corretoras nas eleições do conselho



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Braskem quer atrair fundos verdes no exterior
Integrante do Índice de Sustentabilidade da BM&FBovespa desde sua primeira edição, a petroquímica Braskem quer agora...