Schering-Plough consulta acionistas sobre remuneração



A gigante farmacêutica Schering-Plough anunciou a realização de pesquisa sobre remuneração de seus executivos e conselheiros com todos os acionistas. A enquete será enviada com o material da assembléia de 2009; e os resultados, divulgados e discutidos na seção CD&A (compensation, discussion and analysis) do proxy statement de 2010.

“A pesquisa é um compromisso com o ponto de vista do acionista”, diz Patricia Russo, presidente do comitê de governança corporativa do conselho. A partir das opiniões e sugestões, a companhia espera facilitar o alinhamento de interesses nesse tema tão controverso. Em seu website oficial, a Schering-Plough ressalta que a decisão partiu do CEO e do conselho, numa tentativa de estimular o debate sobre remuneração e estender a iniciativa a todo o mercado.

Paul Hodgson, pesquisador sênior da Corporate Library, vê a iniciativa com bons olhos. “É uma medida importante, pois estimula o interesse do acionista pelo assunto e oferece a oportunidade de incluir a opinião de shareholders no CD&A”, disse à revista IR Magazine.

Em 2006, a companhia desenvolveu trabalho semelhante, quando consultou acionistas a respeito de diversas questões de governança. Na ocasião, a pesquisa foi conduzida por uma consultoria independente e também resultou em propostas para a assembléia do ano seguinte.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  mercado internacional Governança Corporativa Remuneração de executivos Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Procurador questiona bancos que mantém salários elevados
Próxima matéria
Ofertas iniciais de ações atingem recorde de cancelamentos no mundo



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Procurador questiona bancos que mantém salários elevados
Andrew Cuomo, procurador-geral de Nova York, enviou cartas às nove instituições financeiras que, apesar da ajuda que receberam...