Robozinhos controversos

Captação de recursos/N@ Web/Temas/Edição 109 / 1 de setembro de 2012
Por 


A blogueira e analista de empresas de tecnologia Renee Diresta aproveitou o seu espaço no site O’Reilly Radar, especializado no assunto, para discutir as amadas e odiadas negociações de alta frequência. O objetivo é desfazer alguns mitos que colocam os algoritmos que compram e vendem em alta velocidade (HFTs) como máquinas apocalípticas. Para ela, embora se deva repensar a regulação, culpar os robôs por tudo que dá errado no mercado financeiro é um erro. Os leitores gostaram da polêmica. “Os HFTs estão apenas demonstrando as falhas que sempre existiram no mercado; a diferença é que a escala de tempo é menor”, disse um deles. http://is.gd/cro33U


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Básica

R$ 36 00

Mensal

Acesso Digital
-
Desconto de 10% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Completa

R$ 42 00

Mensal

Acesso Digital
Edição Impressa
Desconto de 10% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Corporativa

R$ 69 00

Mensal

Acesso Digital - 5 senhas
-
Desconto de 15% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Clube de conhecimento

R$ 89 00

Mensal

Acesso Digital - 5 senhas
-
Desconto de 20% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital | Acervo de Áudios



Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  O’Reilly Radar Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Eles não são mais os mesmos
Próxima matéria
Novo software



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.




Leia também
Eles não são mais os mesmos
Em 2007, nove bancos de médio porte abriram o capital na BM&FBovespa: Sofisa, Daycoval, Indusval, Bicbanco, Panamericano,...
{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}