Natura lança relatório anual colaborativo

Ouvir o que seus públicos de relacionamento têm a dizer sempre foi uma das prioridades da Natura. Por isso a companhia abriu espaço, pela primeira vez, para a elaboração de um Wiki Relatório — um relatório anual com conteúdo desenvolvido de forma colaborativa por seus stakeholders, a ser divulgado …

Bimestral/Relações com Investidores/Temas/Edição 80 / 1 de abril de 2010
Por 


Ouvir o que seus públicos de relacionamento têm a dizer sempre foi uma das prioridades da Natura. Por isso a companhia abriu espaço, pela primeira vez, para a elaboração de um Wiki Relatório — um relatório anual com conteúdo desenvolvido de forma colaborativa por seus stakeholders, a ser divulgado em 6 de abril.

O objetivo da iniciativa é incorporar a essa peça institucional a visão dos públicos com que a empresa se relaciona, seja por meio de declarações ou de um texto construído com a cooperação de todos. Para tanto, foram realizados seis fóruns virtuais de discussão, promovidos por meio da plataforma Natura Conecta, uma espécie de rede de relacionamentos. “Não importa onde a pessoa esteja, ela pode entrar na internet e colaborar”, ressalta Rodolfo Guttilla, diretor de assuntos corporativos e relações governamentais da Natura.

Nesses fóruns, foram discutidos temas prioritários de sustentabilidade para a companhia, como a Amazônia, a biodiversidade, a educação, os gases de efeito estufa, o impacto dos produtos e a qualidade das relações.
As reflexões foram incorporadas no relatório e serão consideradas na elaboração do planejamento estratégico da empresa.

A Natura mantém ainda um painel de especialistas, cuja função é fazer uma análise crítica do relatório anual da companhia e sugestões de melhoria. Esse grupo é formado, dentre outras públicos, por consultores de sustentabilidade, jornalistas e especialistas no Global Reporting Initiative (GRI).


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Básica

R$ 4, 90*

Nos três primeiros meses

01 Acesso Digital
-
10% de Desconto em grupos de discussão e workshops
10% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$36,00

Completa

R$ 9, 90

Nos três primeiros meses

01 Acesso Digital
01 Edição Impressa
10% de Desconto em grupos de discussão e workshops
10% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$42,00

Corporativa

R$ 14, 90

Nos três primeiros meses

05 Acessos Digitais
01 Edição Impressa
15% de Desconto em grupos de discussão e workshops
15% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$69,00

Clube de conhecimento

R$ 19, 90

Nos três primeiros meses

05 Acessos Digitais
01 Edição Impressa
20% de Desconto em grupos de discussão e workshops
20% de Desconto em cursos
Acervo Digital
com áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$89,00

**Áudios de todos os grupos de discussão e workshops.




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Relações com investidores Balanços e Relatórios Anuais Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
RA online da CPFL aceitará comentários
Próxima matéria
É papel do Banco Central regular a remuneração dos executivos de instituições financeiras?



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
RA online da CPFL aceitará comentários
O relatório anual (RA) online da CPFL é outro que chegará aos leitores com novidades. Permitirá a postagem de comentários...