Locadoras de veículos captam recursos no mercado de capitais

Captação de recursos/Temas/Edição 61 / 1 de setembro de 2008
Por  e


As locadoras de automóveis deram indícios de como pretendem se preparar para o crescimento do setor: indo a mercado. Três delas noticiaram em agosto projetos nutridos de uma captação envolvendo títulos ou valores mobiliários.

A Localiza Rent a Car, única locadora listada em bolsa, é o primeiro exemplo. O conselho da companhia aprovou o lançamento de debêntures no valor de R$ 600 milhões. Metade da captação cobrirá uma emissão de notas promissórias que vence em março de 2009. O restante vai financiar o plano de expansão da companhia, que conta com cerca de 60 mil veículos em sua frota.

A Unidas Rent a Car concluiu, também em agosto, uma distribuição de debêntures no valor de R$ 250 milhões. O objetivo é semelhante: alongar a dívida e expandir a frota. Os papéis, que saem com prazo de quatro anos, foram adquiridos por investidores institucionais interessados no retorno de 2,75% acima do CDI. Antônio Lemos, presidente-executivo da Unidas, reconhece que o custo do capital aumentou este ano, mas a perspectiva de crescimento de 35% da empresa tornou a operação necessária. “Somos recorrentes tomadores de capital no mercado. Nosso negócio depende de patrimônio.”

No caso, o patrimônio é formado por carros. A Unidas conta com cerca de 36 mil automóveis para aluguel e terceirização de frotas corporativas. Em 2007, chegou a pedir registro para o lançamento de ações, mas a confiança no projeto recuou junto com a liquidez do mercado. Em fevereiro de 2008, a operação foi suspensa. “Não esperamos abrir o capital até o ano que vem”, conta Lemos.

A LocarAlpha pensa diferente. Criada em 1995, projeta lançar ações este ano para captar um valor ainda não divulgado. A intenção é expandir sua frota de quase 6 mil veículos e aumentar a estrutura operacional. Em razão de seu tamanho, a empresa escolheu acessar o Bovespa Mais, segmento de listagem para companhias de médio porte. O analista da Coinvalores Marco Saravalle acredita que o forte movimento de captações pelas locadoras de veículos deve se manter. “Nos próximos dois anos, trabalho com crescimento acima de dois dígitos para o setor”, diz.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Básica

R$ 36 00

Mensal

Acesso Digital
-
Desconto de 10% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Completa

R$ 42 00

Mensal

Acesso Digital
Edição Impressa
Desconto de 10% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Corporativa

R$ 69 00

Mensal

Acesso Digital - 5 senhas
-
Desconto de 15% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Clube de conhecimento

R$ 89 00

Mensal

Acesso Digital - 5 senhas
-
Desconto de 20% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital | Acervo de Áudios



Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  locadoras de automóveis Localiza Rent a Car Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Fim da disputa?
Próxima matéria
Novas regras vão liberar investimentos dos fundos imobiliários



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.




Leia também
Fim da disputa?
  Quando foi para a Índia, em outubro do ano passado, o vice-presidente de gestão e Relações com Investidores...
{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}