Líderes de igreja são punidos por golpe com fundos de hedge

Legislação e Regulamentação/Internacional/Temas/Edição 69 / 2 de maio de 2009
Por , e


Nem mesmo o espaço sagrado das igrejas está livre da má-fé dos golpistas. No bairro do Queens, em Nova York, sete líderes de uma paróquia local estão sendo acusados pela Securities and Exchange Commission (SEC) de montar um esquema fraudulento para captar dinheiro entre seus fiéis, principalmente os mais idosos. Entre janeiro e outubro de 2005, eles acumularam mais de US$ 12 milhões, provenientes de 80 investidores, que acreditavam estar aplicando seus recursos em dois fundos de hedge.

Para convencer os fiéis de que o negócio valia a pena, os golpistas prometiam retornos incríveis, que poderiam chegar a até 75%. No entanto, em vez de aplicar o dinheiro como combinado, desviavam-no para financiar itens de luxo, como automóveis, relógios e viagens ao exterior, e nunca devolviam o dinheiro. Além disso, o montante era usado para pagar dívidas e custos operacionais da Jadis Capital — gestora dos fundos Logos e Donum Fund — e de sua subsidiária Jadis Investment, consultoria de investimentos registrada e administradora de fundos.

Diante desse cenário, a SEC apresentou, no dia 14 de abril, ações civis contra os sete principais membros deste esquema. Segundo o órgão regulador, os réus enganaram sobre o desempenho do Logos Fund, o montante de ativos sob sua gestão, a identidade e a habilidade dos gestores, bem como seu nível de supervisão sobre a carteira. Também mentiram sobre a matrícula de registro do Donum Fund, alegando aos investidores que o fundo fora registrado na SEC. Com as ações, o regulador pretende obrigar os acusados a pagar multas e a devolver os ganhos obtidos ilegalmente, acrescidos de juros. O diretor de processos sancionadores da agência, Robert Khuzami, informou que já houve outras punições a “crimes de afinidade” — fraudes contra comunidades e grupos de minorias, como os de surdos.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Básica

R$ 36 00

Mensal

Acesso Digital
-
Desconto de 10% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Completa

R$ 42 00

Mensal

Acesso Digital
Edição Impressa
Desconto de 10% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Corporativa

R$ 69 00

Mensal

Acesso Digital - 5 senhas
-
Desconto de 15% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital

Clube de conhecimento

R$ 89 00

Mensal

Acesso Digital - 5 senhas
-
Desconto de 20% em grupos de discussão, workshops e cursos de atualização
Acervo Digital | Acervo de Áudios



Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Fundos hedge Judiciário Lei das S.As (Lei nº 6.404) Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Poucas companhias divulgam a sua gestão de riscos, diz pesquisa
Próxima matéria
Movimento manada é mais comum entre investidores latinos



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Poucas companhias divulgam a sua gestão de riscos, diz pesquisa
Um levantamento com 149 companhias do mundo todo trouxe um resultado preocupante para a governança: gestão de riscos nessas...
{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}