Novo recorde de delação premiada na SEC

O programa de delação premiada da Securities and Exchange Commission (SEC) bateu mais um recorde. O número de denúncias recebidas pela reguladora americana subiu 12%: de 3.238 em 2013 para 3.620 este ano, conforme relatório divulgado em novembro. A maior parte envolvia fraudes em ofertas, …



O programa de delação premiada da Securities and Exchange Commission (SEC) bateu mais um recorde. O número de denúncias recebidas pela reguladora americana subiu 12%: de 3.238 em 2013 para 3.620 este ano, conforme relatório divulgado em novembro. A maior parte envolvia fraudes em ofertas, manipulação de mercado e problemas na divulgação de dados corporativos e financeiros.

Apesar do grande número de denúncias, a SEC concedeu prêmios a apenas 14 delatores desde o início do programa, em 2011 — nove desses pagamentos foram feitos em 2014. Em setembro, a agência pagou uma quantia recorde a um denunciante: US$ 30 milhões. A informação premiada veio de um estrangeiro, mas não se revelou sua nacionalidade nem o tipo de infração denunciada.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Quero me cadastrar!

Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui > 2

teste

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  SEC Estados Unidos CAPITAL ABERTO mercado de capitais delação premiada Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Índia endurece regras contra insider trading
Próxima matéria
Por 20 contos de réis



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





APROVEITE!

Adquira a Assinatura Superior por apenas R$ 0,90 no primeiro mês e tenha acesso ilimitado aos conteúdos no portal e no App.

Use o cupom 90centavos no carrinho.

A partir do 2º mês a parcela será de R$ 48,00.
Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.

Leia também
Índia endurece regras contra insider trading
Negociar ações com informação privilegiada na Índia ficou mais difícil. Em novembro, o Securities and Exchange Board...