IFRS eleva patrimônio das concessionárias de energia elétrica

Bimestral / Relações com Investidores / Temas / Edição 94 / 1 de junho de 2011
Por 


Cumprir as normas internacionais de contabilidade (os IFRS, na sigla em inglês) tem sido um processo trabalhoso para a maioria das companhias abertas, no Brasil e no mundo, mas algumas delas já podem ver impactos positivos e palpáveis em seus balanços. Um levantamento da KPMG mostra que os ajustes da adoção inicial dos IFRS acrescentaram um total de R$ 6,3 bilhões nos patrimônios líquidos (PLs) de 13 concessionárias brasileiras de energia elétrica, dentre geradoras, transmissoras e distribuidoras.

O incremento foi verificado na data-base de 1º de janeiro de 2009. Por exigência da lei e da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), pela primeira vez as companhias aplicaram integralmente os padrões contábeis internacionais nas demonstrações financeiras relativas ao exercício de 2010. Para haver a possibilidade de comparação, porém, os números do ano anterior precisaram ser ajustados.

A principal causa para o efeito positivo nos PLs foi a mensuração de ativos imobilizados, que provocou um ajuste total de R$ 14,1 bilhões nas 13 empresas. “Eles estavam subavaliados”, diz José Luiz Carvalho, sócio da área de auditoria da KPMG. A Cesp, por exemplo, teve um ganho de R$ 3,5 bilhões nessa conta. A situação patrimonial mais robusta tende a fortalecer a capacidade de investimento das companhias. “Com uma melhora na relação entre dívida e patrimônio líquido, a alavancagem pode aumentar”, acredita Carvalho.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  IFRS Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Nova regulamentação anima agentes fiduciários
Próxima matéria
Bancos se preparam para securitizar carteiras de crédito imobiliário




Recomendado para você




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Nova regulamentação anima agentes fiduciários
Presente no mercado de capitais há mais de 25 anos, a carioca Pentágono Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários...