Indonésia desenvolve seu mercado de capitais

Governança Corporativa / Internacional / Edição 127 / 1 de março de 2014
Por 


O número de empresas listadas na Indonésia vem crescendo de forma constante. De acordo com o Banco Mundial, o total de companhias abertas subiu de 398, em 2009, para 459, em 2012, uma média de 20 aberturas de capital por ano. Para manter a expansão, a Indonésia está aprimorando as regras que regem seu mercado de capitais. A Otoritas Jasa Keuangan (OJK), reguladora do país, lançou no começo de fevereiro um código de governança corporativa, composto de 33 regras.

Em anúncio oficial, a OJK explicou que o documento, elaborado em conjunto com a International Financial Corporation (IFC), se foca em cinco áreas: princípios de governança, proteção aos acionistas, responsabilidade com stakeholders, transparência e compromissos do conselho de administração.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  CAPITAL ABERTO mercado de capitais IFC Indonésia Banco Mundial OJK Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Regulação preocupa investidores institucionais
Próxima matéria
Assembleias on-line são cada vez mais comuns nos EUA




Recomendado para você




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Regulação preocupa investidores institucionais
A consultoria Preqin fez uma pesquisa com 430 investidores institucionais de vários lugares do mundo e descobriu que, para...