Ataque aos ativistas

Governança Corporativa / N@ Web / Edição 133 / 1 de setembro de 2014
Por 


ataque-aos-ativistasO Dealbook, site do jornal New York Times, chamou os três investidores individuais que mais lançaram propostas em assembleias (clique para ler mais) de moscas varejeiras (“gadflies”). O apelido deve-se à insistência deles em fazer propostas que, na visão do blog, acabam gerando discussões custosas para as companhias. No Twitter, vários acadêmicos, investidores e profissionais que discutem governança corporativa com a hashtag #corpgov se manifestaram contra o texto. Nell Minow, da consultoria GMI Ratings, foi dura: “Trata-se de uma vergonhosa distorção do papel das propostas de acionistas”, proclamou. James McRitchie, um dos ativistas criticados, também se manifestou. “Os conselhos ganham simpatia; nós somos atacados”, escreveu. Link: http://bit.ly/1t7y9hN Ilustração: Beto Nejme/Grau180.com


Quer continuar lendo?

Você já leu {{limit_offline}} conteúdo(s). Gostaria de ler mais {{limit_online}} gratuitamente?
Faça um cadastro!

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Governança Corporativa CAPITAL ABERTO mercado de capitais Ativismo New York Times GMI Ratings proposta de acionistas James McRitchie DealBook Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Olha quem está falando
Próxima matéria
Os melhores na queda




Recomendado para você




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Olha quem está falando
O magnata australiano Rupert Murdoch, dono da Fox e de mais de cem publicações impressas espalhadas pelo mundo, entre elas...