Hong Kong prioriza divulgação de critérios ESG

Bimestral/Gestão de Recursos/Internacional/Edição 93 / 1 de maio de 2011
Por 


As empresas listadas na Bolsa de Valores de Hong Kong (HKEx) se preparam para melhorar a transparência, nos relatórios anuais, dos princípios sociais, ambientais e de governança corporativa (ESG, na sigla em inglês). Uma modernização na lei corporativa do país, ainda em fase de aprovação, obriga as companhias a publicarem detalhes, por exemplo, de suas políticas ambientais e de relacionamento com colaboradores, clientes e fornecedores.

Em razão da mudança, a Bolsa de Hong Kong promove, entre maio e junho, uma série de workshops e seminários para capacitar as empresas nesse campo. O objetivo é que compreendam a importância de divulgarem, adequadamente, como aplicam os critérios de ESG em seu negócio e quais indicadores podem mostrar o desempenho das ações que vêm promovendo. Os treinamentos serão ministrados, gratuitamente, por consultores externos especializados em relatórios ESG.

“Como órgão regulador do mercado, queremos reforçar a relevância da comunicação dos princípios ESG entre as empresas listadas para seu próprio benefício, e também para o benefício dos investidores”, diz Mark Dickens, chefe de listagem da HKEx. Segundo ele, as companhias serão convidadas a opinar sobre um guia de melhores práticas de divulgação de princípios ESG que a HKEx está montando. No longo prazo, a Bolsa espera que o guia seja adotado pelas empresas seguindo o modelo do “comply or explain”.




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  mercado internacional Bolsa de valores Governança Corporativa Sustentabilidade e Responsabilidade Social Ásia Práticas de sustentabilidade Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
BM&FBovespa e Cetip acirram disputa na renda fixa
Próxima matéria
Instituto de RI do Canadá é contra o "say on pay"



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
BM&FBovespa e Cetip acirram disputa na renda fixa
Enquanto entidades tentam fomentar a emissão de títulos de dívida privada, BM&FBovespa e Cetip estão de olho em uma das principais...
{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}