FRC cria modelo para divulgação de salários

Governança Corporativa/Temas/Internacional/Edição 107 / 1 de julho de 2012
Por 


O Financial Reporting Council (FRC), regulador britânico responsável por promover e disseminar práticas de governança corporativa no Reino Unido, lançou, em junho, o relatório A Single Figure for Remuneration. Elaborado a pedido do Department of Business Innovation and Skills (BIS), o documento propõe a criação de um modelo de relatório de remuneração e traz um esboço de como ele poderia ser organizado. A iniciativa vai ao encontro do desejo dos investidores de obterem informações mais simples, claras e, principalmente, comparáveis sobre os planos de compensação dos executivos.

O relatório foi lançado um dia após o Reino Unido anunciar que dará aos acionistas o poder de rejeitar propostas de remuneração dos executivos, e não somente de opinar sobre elas. Para desenvolver o material, o FRC contou com o apoio das companhias BHP Billiton, Cobham, GlaxoSmithKlin, HSBC Holdings, InterContinental Hotels Group, Legal & General, Rio Tinto, Royal Dutch Shell e The Royal Bank of Scotland Group. Os investidores também colaboraram dando sua visão sobre quais componentes da remuneração gostariam de ver no relatório de forma padronizada. Dentre as 12 gestoras que participaram do projeto estão BlackRock, Fidelity, e Hermes Fund Managers. Eles pedem, por exemplo, que as empresas divulguem e expliquem os critérios para avaliar o desempenho dos executivos. Também pedem mais informações sobre o pagamento de benefícios e aposentadoria.

“Estamos satisfeitos que tenha sido possível chegar a um consenso sobre um modelo de relatório único”, afirma Melanie McLaren, diretora do FRC. “O principal benefício será a simplificação da divulgação dos dados sobre remuneração, que muitos consideram demasiado complexa.”




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Governança Corporativa FRC Reino Unido Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
"Estamos bien, pero vamos mal"
Próxima matéria
Euforia no IPO



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
"Estamos bien, pero vamos mal"
Quem já se excedeu etilicamente em uma festa conhece a inexorável realidade de que o amanhecer virá acompanhado de uma terrível...