Pesquisar

|

|

Pesquisar
Close this search box.
Desnecessário com o tempo
Guidance financeiro torna-se dispensável quando analistas estão preparados para assumir as projeções

, Desnecessário com o tempo, Capital AbertoO guidance é a informação fornecida por uma companhia capaz de guiar a análise do mercado de capitais, gerando expectativa de desempenho futuro operacional e financeiro. Em síntese, podemos dizer que ele tem dois lados. É capaz de atingir um bom número de analistas e, principalmente, reduzir diferenças entre as projeções de preços das ações e seu atual valor de mercado. Ao mesmo tempo, porém, pode pressionar a administração das companhias a cumpri-lo ou causar expectativas não condizentes com a realidade. Parto do pressuposto de que o guidance esteja alinhado com uma estratégia declarada, de que as condições necessárias para as projeções estejam calcadas em bases sólidas e de que sejam considerados todos os riscos envolvidos.

A história de uma companhia aberta inicia-se rodeada de analistas que a desconhecem e, em alguns casos, o seu próprio setor de atuação pode ser estranho para o mercado. Desta forma, cabe às companhias “ensinar” o funcionamento e os detalhes de seus negócios e do setor, a fim de permitir análises coerentes e realistas, preservando o interesse dos acionistas.

A utilização de guidance operacional justifica-se pelo motivo de uma companhia ser a única detentora do conhecimento que permite prever seu desempenho operacional futuro. É ela que possui informações sobre expectativas dos resultados de investimentos, desempenho de funcionários e maquinário, metas internas de vendas e produção, entre outros. Enquanto isso, informações financeiras podem ser trabalhadas por terceiros com maior independência em relação à empresa, dependendo, é claro, do nível de comunicação praticado e do conhecimento da companhia pelo mercado.

Neste sentido, é coerente que as empresas utilizem em seus primeiros anos de vida um mix de informações operacionais e financeiras em seu guidance. A clara intenção é permitir que as análises sejam orientadas de forma mais “paternalista”, indicando relações, assunções e percepções que o mercado ainda não é capaz de assumir sozinho.

O desenvolvimento do mercado pressupõe um processo paulatino e organizado da política de divulgação de guidance. É muito importante que se crie um plano de divulgação e, mais do que isso, que as empresas de um mesmo setor formem grupos de trabalho para definir as informações a serem divulgadas, a fim de evitar pressões do mercado por outras e de permitir uma comunicação alinhada e uniforme de todo o segmento.

As apresentações de resultados e reuniões públicas e privadas devem ser utilizadas não apenas como meios de divulgação e de discussão de resultados, mas também como forma de “educar” o mercado sobre conceitos, cenários e desdobramentos por trás de cada linha contábil financeira de uma companhia.

Desta forma, este processo evolui no sentido de permitir ao mercado trabalhar apenas com informações operacionais. Ou seja, o guidance com informações financeiras deixa de ser necessário à medida que os analistas passam a ter condições de assumir suas próprias projeções, a partir do histórico das companhias e seus setores e do perfeito entendimento dos impactos dos cenários socioeconômicos, políticos e demográficos sobre as receitas, os custos e as despesas das empresas.

Em última instância, as companhias devem prover o mercado apenas com informações necessárias para atingir o fim a que o guidance se destina, respeitando, é claro, sua idade e a do seu setor no mercado de capitais. Claramente, este é o cenário que se espera para um mercado de capitais maduro.


Para continuar lendo, cadastre-se!
E ganhe acesso gratuito
a 3 conteúdos mensalmente.


Ou assine a partir de R$ 9,90/mês!
Você terá acesso permanente
e ilimitado ao portal, além de descontos
especiais em cursos e webinars.


Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o limite de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês.

Faça agora uma assinatura e tenha acesso ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais


Ja é assinante? Clique aqui

Acompanhe a newsletter

Leia também

mais
conteúdos

APROVEITE!

Adquira a Assinatura Superior por apenas R$ 0,90 no primeiro mês e tenha acesso ilimitado aos conteúdos no portal e no App.

Use o cupom 90centavos no carrinho.

A partir do 2º mês a parcela será de R$ 48,00.
Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.