Startup do mal?

Produtora de um software de gestão de recursos humanos para pequenas e médias empresas, a startup americana Zenefits estava bombando no Vale do Silício – até que a festa acabou. O motivo? A imprensa divulgou recentemente que a companhia é investigada por burlar regras do mercado de seguros. O CEO …



Ilustração: Grau 180.com.

Ilustração: Grau 180.com.

Produtora de um software de gestão de recursos humanos para pequenas e médias empresas, a startup americana Zenefits estava bombando no Vale do Silício – até que a festa acabou. O motivo? A imprensa divulgou recentemente que a companhia é investigada por burlar regras do mercado de seguros. O CEO foi afastado do cargo, e a Zenefits virou protagonista de diversas discussões no Twitter. O nome da empresa é mencionado em textos sobre a suposta existência de uma bolha tecnológica (que levaria startups despreparadas a valuations altos demais) e em postagens com críticas a esse tipo de empresa (elas frequentemente contornariam as leis). “Que grande virada”, disseram alguns. Outros ponderaram: “Não se muda a cultura de uma empresa imediatamente.” Há relatos de que a Zenefits liberava bebidas alcoólicas para seus empregados durante o horário de trabalho.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Vale do Silício startup Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Companhias sobem o teto de diretores estatutários
Próxima matéria
Novas perspectivas para o aço



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Companhias sobem o teto de diretores estatutários
No último dia 30 de setembro, a InBrands reuniu seus acionistas e aprovou uma série de mudanças no estatuto social....