Nasdaq quer operar dark pool

Captação de recursos/Internacional/Edição 138 / 1 de fevereiro de 2015
Por 


Se você não pode vencer seu inimigo, junte-se a ele. A frase parece se aplicar perfeitamente à intenção da Nasdaq de operar “dark pools”. O nome é uma alusão à pouca transparência dada às negociações nesse tipo de plataforma, operada por instituições financeiras.

Segundo matéria divulgada no Wall Street Journal, a Nasdaq tem sondado grandes bancos a respeito da possibilidade de administrar suas dark pools. Estaria, inclusive, planejando pedir o aval da Securities and Exchange Commission (SEC) para prosseguir com a ideia. Conforme Robert Greifeld, CEO da bolsa de tecnologia americana, essa iniciativa visa firmá-la como um parceiro de tecnologia dos bancos, que, desde a crise financeira, lidam com o crescimento dos custos de tecnologia e regulação.

Apesar do discurso, a ambição da Nasdaq é vista pelo mercado como uma mudança drástica de postura. Junto com a Nyse, ela sempre criticou duramente as dark pools por prejudicar a capacidade do mercado de operar com eficiência. Em julho, Greifeld chegou a publicar um texto no Wall Street Journal dizendo que “ninguém pode argumentar contra o poder de cura da transparência no processo de precificação de ativos”. Diante da possibilidade de receita com esse tipo de negócio, a Nasdaq parece estar revendo seus conceitos.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Básica

R$ 4, 90*

Nos três primeiros meses

01 Acesso Digital
-
10% de Desconto em grupos de discussão e workshops
10% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$36,00

Completa

R$ 9, 90

Nos três primeiros meses

01 Acesso Digital
01 Edição Impressa
10% de Desconto em grupos de discussão e workshops
10% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$42,00

Corporativa

R$ 14, 90

Nos três primeiros meses

05 Acessos Digitais
01 Edição Impressa
15% de Desconto em grupos de discussão e workshops
15% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$69,00

Clube de conhecimento

R$ 19, 90

Nos três primeiros meses

05 Acessos Digitais
01 Edição Impressa
20% de Desconto em grupos de discussão e workshops
20% de Desconto em cursos
Acervo Digital
com áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$89,00

**Áudios de todos os grupos de discussão e workshops.




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Nasdaq CAPITAL ABERTO mercado de capitais dark pool Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Mercado global de M&A cresce em 2014
Próxima matéria
SEC aplica multa milionária à S&P



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Mercado global de M&A cresce em 2014
O mercado global de M&A tem apresentado excelente desempenho, de acordo com estudo da Towers Watson em parceria com a Cass...