Indonésia e Malásia iniciam o ano com fila de IPOs

Captação de recursos/Internacional/Edição 114 / 1 de fevereiro de 2013
Por 


O ano mal começou e a região Ásia-Pacífico já dá sinais de que deve, mais uma vez, ser a estrela do mercado de ofertas públicas iniciais de ações (IPO, na sigla em inglês). A companhia aérea malaia AirAsia planeja listar, ainda no primeiro trimestre de 2012, duas de suas subsidiárias: a AirAsiaX, responsável por voos de longa distância, e a Indonesia AirAsia, voltada para voos de baixo custo. A ideia é captar, respectivamente, US$ 250 milhões e US$ 200 milhões. No ano passado, a Bolsa da Malásia viveu um boom de IPOs: registrou o quinto maior volume de captações, atrás apenas das gigantes Nyse e Nasdaq e das bolsas de Hong Kong e Tóquio.

Na Indonésia, as ofertas públicas iniciais também começam a pipocar. A estatal agrícola Perkebunan Nusantara’s, que pretende captar US$ 155 milhões, é esperada como a primeira da lista. Sua emissão deve ser seguida dos IPOs da operadora de táxis Blue Bird e da Pos Indonesia, companhia do setor de serviços postais controlada pelo governo. A Indonésia registrou, ao longo de 2012, 23 listagens, uma a menos que em 2011. Em comparação, o Brasil registrou apenas três IPOs no ano passado.

Tanto a economia da Malásia como a da Indonésia passam por um período de privatizações, cenário que tem ajudado a dinamizar o mercado de capitais desses países. A forte demanda por novos investimentos pelos fundos locais e o interesse dos estrangeiros na região também colaboram para explicar o boom de IPOs. Diante da desaceleração das economias desenvolvidas e de outras regiões emergentes, o Pacífico Sul parece ter se tornado um oásis para os investidores.




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  IPOs Indonésia Malásia Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
SEC contrata especialista em flash crash
Próxima matéria
Bancos estão desanimados com Jobs Act



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
SEC contrata especialista em flash crash
A nova presidente da Securities and Exchange Commission (SEC), Elisse Walter, está promovendo mudanças no quadro da instituição....
{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}