Disputa pelo controle da Eletropaulo se acirra

Confira os destaques da semana entre 16 e 20 de abril

Semana / Bolsas e conjuntura / 20 de abril de 2018
Por 


Ilustração: Julia Padula

Enel, Energisa e Neoenergia disputam controle da Eletropaulo. Até o fechamento desta edição, a Enel estava na dianteira, com sua proposta de pagar 28 reais por ação numa oferta pública pelo controle da distribuidora paulista. Energisa e Neonergia oferecem, respectivamente, 19,38 reais e 25,51 reais por papel. De acordo com reportagem do Valor Econômico publicada no dia 20, o conselho de administração da Neonergia estaria cogitando aumentar sua proposta para 29,40 por ação.

 

16.04

Banco Central (BC) anuncia fim da liquidação extrajudicial da financeira Lojicred, em regime especial desde junho de 1987. A Lojicred já foi uma das maiores financeiras do País.

Pedido de recuperação judicial da Eternit é aceito pela 2ª Vara de Falências e Recuperação Judiciais da Comarca de São Paulo. A companhia enfrenta dificuldades por causa da proibição do uso do amianto, matéria-prima utilizada na produção de suas telhas, no País pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

17.04

Deloitte no Brasil volta a aceitar novos clientes de auditoria com ações negociadas nos Estados Unidos. Em dezembro de 2016, o Public Company Accounting Oversight Board (PCAOB), órgão que fiscaliza a atuação das auditorias americanas, proibiu a Deloitte Brasil de ter novos clientes no país, após descobrir que sócios da firma haviam adulterado papéis de trabalho referentes à auditoria do balanço da Gol, em 2012. A Deloitte enviou certificado ao PCAOB demonstrando que implementou controles e práticas para assegurar a qualidade de suas auditorias, estando novamente apta a aceitar clientes nos EUA.

18.04

Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) comunica que avalia se desfazer de ativos nos Estados Unidos, mas descartou a existência de algum negócio fechado. O anúncio responde ao questionamento da CVM sobre notícia publicada no jornal O Estado de S. Paulo de que a CSN estaria em negociações avançadas para vender sua unidade americana, localizada em Terre Haute, no Estado de Indiana, para a Steel Dynamics, por 250 milhões de dólares.

19.04

Ações da Gol registram queda após notícia de que a Securities and Exchange Commission (SEC) está investigando o envolvimento da companhia aérea com políticos citados na Operação Lava Jato. Como consequência, as ações preferenciais da Gol caíram 8,22%.

Polícia Federal deflagra Operação Gatekeepers, para investigar supostas fraudes envolvendo ex-gestores de fundo de investimento que geriam os recursos do consórcio Cais Mauá, em Porto Alegre. Foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão. Um dos envolvidos é a Icla Trust, ex-NSG Capital, que fazia a gestão do fundo de investimento em participações Cais Mauá do Brasil Infraestrutura (FIPI), que conta com participação acionária no consórcio.

20.04

Em assembleia, Natura aprova orçamento de 610,3 milhões de reais para 2018. Boa parte desse dinheiro será  destinado a investimentos em expansão.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie

Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Ressaca de dados e o relógio do juízo final
Próxima matéria
Spoofing na mira dos reguladores



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.




Leia também
Ressaca de dados e o relógio do juízo final
“Não encaramos de forma ampla o suficiente a extensão de nossas responsabilidades, um grande erro. E o erro foi meu....