A segunda rodada das seções 302 e 404

Legislação e Regulamentação / Internacional / Temas / Edição 19 / 1 de março de 2005
Por 


A primeira experiência de implementação das exigências previstas nas seções 302 e 404 da lei norte-americana Sarbanes-Oxley não foi nada fácil. Além de custar caro, exigiu inúmeros esforços dos executivos para segui-las à risca. Para evitar que a próxima rodada repita as mesmas dificuldades, a Deloitte preparou um manual de instruções para as companhias norteamericanas que já entregaram as primeiras certificações e se preparam para o segundo ano.

No trabalho intitulado “Sob controle”, a consultoria afirma que o mais importante é converter as tarefas executadas em uma estrutura sustentável no futuro. É fundamental incorporar os controles internos, utilizando um sistema adequado para redução dos custos, da complexidade e dos riscos.

É preciso também criar uma estrutura adequada de pessoal. É fato que muitas empresas já possuem áreas de compliance e governança em atividade, mas este é o momento de avaliar eventuais alterações em relação ao formato original, com a formação de comitês específicos de trabalho, por exemplo.

Funções e responsabilidades também precisam ser melhor definidas. Quanto mais a filosofia de controles internos estiver arraigada na cultura corporativa, mais sustentável se torna essa atividade. A criação de cargos novos, como especialistas de controle interno, também é recomendada.


Quer continuar lendo?

Você já leu {{limit_offline}} conteúdo(s). Gostaria de ler mais {{limit_online}} gratuitamente?
Faça um cadastro!

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Sarbanes-Oxley Deloitte seções 302 e 404 Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Mercado de acesso atrai compradores
Próxima matéria
Cresce o peso da responsabilidade corporativa




Recomendado para você




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Mercado de acesso atrai compradores
O mercado de acesso inglês – chamado Alternative Investment Market (AIM) – tem atraído interessados na aquisição...