Aneel suspende cobrança de 2,9 bilhões da Eletrobras

Confira os destaques da semana de 22/1 a 26/1

Semana / 30 de janeiro de 2018
Por 


Em 25 de janeiro, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aceitou parcialmente recurso interposto pela Eletrobras pedindo suspensão dos 2,9 bilhões que a estatal deveria ressarcir ao fundo da conta de consumo de combustíveis por cobranças indevidas — a Eletrobras foi gestora do fundo entre 2009 e 2016. O pagamento ficará pendente até que a Aneel tome uma decisão final sobre o caso.

 

22/01

– Hypermarcas convoca assembleia para deliberação de alteração da denominação social da companhia, para Hypera S.A. O encontro de acionistas está marcado para o dia 7 de fevereiro.

– Renova prorroga por 30 dias o prazo de exclusividade para a capitalização primária da companhia pela Brookfield.

– Fitch mantém classificação de risco para a dívida corporativa da Petrobras em “BB”, com perspectiva negativa. Na avaliação da agência, o risco da companhia está fortemente ligado ao risco soberano, pelo fato de ser controlada pela União.

 

23/01

– CVM prorroga, até 23 de fevereiro, audiência pública que discute alterações nas instruções 400 e 476, que tratam sobre emissões de valores mobiliários.

– Ri Happy arquiva pedido para registro de oferta pública inicial de ações.

 

25/01

– O presidente da Petrobras, Pedro Parente, assina termo de compromisso para a integração da estatal como membro efetivo da Oil and Gas Climate Initiative (OGCI), que tem por objetivo direcionar a atuação do setor considerando as mudanças climáticas. A adesão ainda depende de aprovação do board da companhia.

– Andrade Gutierrez aprova redução de 338 milhões de reais em seu capital social, sem cancelamento de ações e mantendo o percentual de participação dos atuais acionistas.

– Petrobras precifica em 2 bilhões de dólares uma oferta de global notes com vencimento em 2029 e juros de 5,75% ao ano.

 

 

 




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie

Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Atos concentrados na matrícula
Próxima matéria
Mudanças e oportunidades



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.




Leia também
Atos concentrados na matrícula
Já faz três anos que está em vigor a Lei 13.097/15 — que trata, entre outros assuntos, da concentração dos atos...