JSL prepara Movida para IPO

Desde o dia 29 de janeiro, a Movida Participações, braço da JSL que atua na locação e terceirização de veículos leves, é uma companhia aberta registrada na Comissão de Valores Mobiliários (CVM). A ideia da controladora é deixar a subsidiária pronta para acessar o mercado de capitais, por meio de …

Seletas/Companhias abertas/Edição 16/Reportagem / 5 de fevereiro de 2016
Por 


Ilustração: Grau 180.com.

Ilustração: Grau 180.com.

Desde o dia 29 de janeiro, a Movida Participações, braço da JSL que atua na locação e terceirização de veículos leves, é uma companhia aberta registrada na Comissão de Valores Mobiliários (CVM). A ideia da controladora é deixar a subsidiária pronta para acessar o mercado de capitais, por meio de oferta de ações ou de debêntures, e adiante listá-la na bolsa de valores. Procurada, a JSL confirma os planos de levar a Movida ao mercado de capitais, mas não no curto prazo. De acordo com a assessoria de imprensa, o registro visa, primeiro, torná-la mais conhecida.

A abertura de capital é cogitada pelo mercado por causa da importância que a locadora conquistou no faturamento da JSL. A empresa foi adquirida em 2013, por R$ 62,4 milhões, e atualmente responde por um terço do Ebitda consolidado da controladora. O lucro antes de juros, impostos e depreciação da Movida totalizou R$ 73,4 milhões no terceiro trimestre do ano passado. Entre julho e setembro, a empresa registrou receita total de R$ 358 milhões, consolidando-se como a segunda maior do segmento de locação de veículos no País.

Além da Movida, neste ano registraram-se como companhias abertas a BRQ Soluções em Informática (na categoria A de emissores) e a Concessionária de Rodovia Sul-Matogrossense (no grupo B).




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  abertura de capital JSL Movida Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Instrução certa
Próxima matéria
O espaço das mulheres nos conselhos



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Instrução certa
Com ações negociadas na BM&FBovespa desde 2006, a Valid tornou-se a primeira companhia aberta a fazer uma oferta...
{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}