Saída de CEO da Grant Thornton provoca lamentos no Twitter

Relatório de performance da executiva sugeria falta de preocupação com o lucro

Governança Corporativa/N@ Web / 19 de outubro de 2018
Por 


Saída de CEO da Grant Thornton provoca lamentos no Twitter

Ilustração: Rodrigo Auada

A CEO da Grant Thornton, Sacha Romanovitch, anunciou na última segunda-feira, dia 15, que deixará o cargo ainda neste ano. O relatório de performance da executiva vazou e, nele, Romanovitch era acusada de não se importar com a lucratividade da empresa e de estar implementando uma agenda socialista na auditoria. Depois de assumir a função, em 2015, ela mudou o modelo da empresa, levando todos os funcionários a ter participação na gestão do negócio, e manifestou constantemente sua preocupação com as mudanças climáticas. A saída de Romanovitch repercutiu na internet, com muitas pessoas lamentando o fato de a primeira mulher a se tornar CEO de uma firma relevante de auditoria ter durado pouco tempo na posição. “Ela tinha uma visão de balancear responsabilidade financeira e social”, pontuou uma usuária do Twitter.


Leia também:

Debate sobre salários de CEOs vai além da transparência 

Regulador britânico quer quer empresas incluam trabalhadores nas decisões 

Genética sustentável




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  sustentabilidade responsabilidade social Grant Thornton Sacha Romanovitch Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
SEC divulga seu novo plano estratégico
Próxima matéria
Solução para os distratos?



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
SEC divulga seu novo plano estratégico
A Securities and Exchange Commission (SEC) divulgou, no último dia 11, seu novo plano estratégico, com os principais...
{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}