Qual o nome disso?

A história da JBS em bom português

Companhias abertas / N@ Web / 27 de maio de 2017
Por 


Ilustração: Rodrigo Auada

Ilustração: Rodrigo Auada

No Facebook, o perfil Por quê? Economês em bom português, que comenta temas econômicos atuais de maneira leve, propõe um curioso exercício de ficção. “Você é dono de uma empresa de penicos, entre várias concorrentes. Aí outra empresa de penicos, a do Joesckley, cresce muito mais que a sua. Vende para fora, faz e acontece. Você se esforça tanto quanto ele, mas não vai tão bem. Mas daí a Joesckley S.A. cresce muito mesmo e consegue mais alguns empréstimos baratinhos do governo — seja qual for o governo. Compra fábrica de chinelo, manteiga, sabonete, paraquedas, aqueles vestidinhos de colocar no botijão de gás. Já deu para a Joesckley pagar o empréstimo e financiar políticos. Sobrou para se mudar para Marte, onde quer abrir capital. E você aí continua vendendo penicos. Qual o nome disso?” Nos comentários, nada de consenso. “É capitalismo”, disseram alguns. “Certamente não é livre mercado”, comentaram outros. Quem está certo?


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  JBS n@ web J&F irmãos Batista Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Torcida para funcionar
Próxima matéria
Código de governança sob medida — e acolhido pelo regulador




Recomendado para você




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Torcida para funcionar
As fissuras provocadas pela crise econômica vêm propiciando um grande teste de aplicação de aparatos jurídicos supostamente...