3º Conferência ABRASCA e CDP – Construindo Conexões para um Futuro Sustentável

Parceiros / 10 de fevereiro de 2017
Por     /    Versão para impressão Versão para impressão


Essa conferência, em sua terceira edição contará com cerca de 200 participantes, entre profissionais do mercado de capitais, lideranças empresariais e de entidades de classe, diretores e gerentes financeiros e de relações com investidores de companhias abertas. A conferência tem o objetivo discutir as conexões entre países e atores para uma nova economia, bem como convergência entre as iniciativas de relato. Temas de discussão incluem: precificação de carbono; conexões internacionais: bioeconomia e seu potencial no Brasil; conexões entre as diferentes iniciativas de relato: a convergência como um caminho para a transformação efetiva dos modelos de negócios; riscos ambientais e dever fiduciário: aprendizados dos casos Samarco e Volkswagen Matchmaking Session; apresentação de casos de inovação nas áreas de descarbonização; segurança hídrica e proteção de florestas a um grupo seleto de investidores nacionais e internacionais

Data: 04 de maio de 2017

Link do site do evento: http://www.sbeventos.com/3-Conferencia/


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie

Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
RELEVO | Pedro Matos
Próxima matéria
Nada como um imposto sobre o patrimônio, inconstitucional e universal




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
RELEVO | Pedro Matos
Criado em 2000, o Novo Mercado consolidou-se como o principal segmento de listagem da bolsa brasileira. Hoje abriga 131 companhias...