Inovação corporativa

Os desafios das grandes companhias ao investir em startups

Informações de Apoio / 28 de março de 2018
Por     /    Versão para impressão Versão para impressão


Patrocínio

 

Programação

O corporate venture vem se desenvolvendo a passos largos no Brasil. Atualmente, companhias como Magazine Luiza, Totvs, Algar, BRF, Raízen, Bradesco e Embraer, entre várias outras, têm programas estruturados para fomentar o desenvolvimento de startups, cujos produtos ou serviços tenham sinergia com os seus negócios. Ao se aproximar de empresas inovadoras, as grandes organizações esperam obter soluções rápidas para os seus problemas, ganhar acesso a mercados ainda inexplorados e dominar novas tecnologias. Mas essas expectativas vêm sendo atendidas na prática? Quão complexo é para as companhias encontrar startups qualificadas para investir? Como ocorre, no dia a dia, a interação entre os executivos e os jovens empreendedores? Quando é mais interessante para a startup receber investimento de um corporate venture do que de um fundo de venture capital?  Essas e outras questões serão debatidas no Grupo de Discussão Venture Capital e Empreendedorismo. Participe!

 

 

8h15 – 9h00

Café da manhã

 

9h00 – 11h00

Debate

 

Carlos Renato Donzelli

Diretor executivo da holding do Grupo Luiza composta por empresas, que atuam nos setores de empreendimentos imobiliários, consórcio de bens e serviços, concessionária de veículos, factoring, financeira, seguradora e comércio varejista. Ex-CFO da companhia, atualmente faz parte do Conselho de administração e membro do Comitê de auditoria, riscos e compliance e do Comitê de finanças e crédito ao consumidor do Magazine Luiza, desde novembro de 2009. Membro do Conselho de administração da empresa LuizaCred sociedade de crédito, financiamento e investimento desde dezembro de 2013. Conselheiro na Sociedade brasileira de varejo e consumo (SBVC), desde sua criação em 2014. Docente da disciplina: Administração financeira e orçamento empresarial – nos cursos de Administração, Ciências Contábeis e MBA na Facef – (Faculdade de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis de Franca) na cidade de Franca/SP.  Graduado em administração com mestrado em gestão empresarial.  Especialização em Gestão Avançada – PGA pela Fundação Dom Cabral e INSEAD.

 

Daniel de Macedo

Head of corporate venture capital da Algar holding. Trabalhou na Amcham Brasil nos últimos 6 anos e meio, encerrando sua atuação como Gerente Regional das operações de Uberlândia e Ribeirão Preto. Graduado em Comunicação Social pela ESAMC com MBA em Marketing com ênfase em vendas e finanças corporativas pela FGV. Formação executiva em gestão e liderança na MIT Sloan School of Management.

 

Guilherme Horn

Diretor executivo de inovação da Accenture para a América Latina. Empreendedor serial, teve 6 startups, entre elas, a ÁGORA, o maior case de sucesso de Fintech na América Latina, vendida para o Bradesco em 2008, e a ÓRAMA, eleita pela Amazon em 2012 a fintech mais inovadora do mundo. Investidor anjo e do board de mais de 30 startups, além de conselheiro da Anjos do Brasil e da Associação Brasileira de Fintechs. É também do board da Wayra, aceleradora do grupo Telefônica e mentor da Endeavor. É editor do Finnovation, o maior blog de Fintech do país, e escreve a coluna semanal “Seu bolso na era digital”, no Jornal Estadão.

 

 

Marcelo Nakagawa

Professor de Inovação e Empreendedorismo do Insper, FIA, Fundação Vanzolini e Instituto Butantan. É coordenador adjunto da FAPESP nos programas de inovação. É membro do conselho da Anjos do Brasil e do CIETEC. É colunista de Estadão PME. Tem atuado como consultor de inovação do Bradesco (InovaBRA) e Cyrela Commercial Properties (Inova+CCP). Tem mais de 25 anos de experiência executiva nos mercados financeiro, consultoria estratégica, venture capital, inovação e educação.

 

Rodrigo Menezes

Sócio fundador de Derraik & Menezes Advogados. Mestre em direito empresarial pelo IE – Instituto de Empresa (Espanha) e especializado em venture capital pela UC Berkeley.

 

 

Participantes

Adolfo Menezes Melito – MyFirstIPO

Adriano Bordone Consentino – Pacheco Neto, Sanden, Teisseire Advogados

Ana Lamounier – Sparks Capital

Antonio Piccinini – Grupo Luíza

Barbara Elena Gomes de Aguiar – Mattos Filho Advogados

Carlos Eduardo Costa Mendes Nogueira – Donnelley Financial Solutions

Carlos Gamboa – Fisher Venture Builder

Carlos Renato Donzelli – Grupo Luíza

Carol Lacombe – Indicator Capital

Cassio Spina – Altivia Ventures

Clibas Pacheco – Leite & Vieira Sociedade de advogados

Daniel de Macedo Silva – Algar

Daniel Ibri – Acelera Partners

Daniel Izzo – Vox Capital

Daniel Moreira de Almeida Marques – SERMA

Demetrio Souza – SFC Consultores

Edna Sousa de Holanda – B3 Brasil, Bolsa e Balcão

Enilton Egito Jr. – Webgarage

Erik Cavalcante – Vox Capital

Fabiane Goldstein – InspIR Group

Fernando Tendolini Oliveira

Flávio Luz – Doing Business

Guilherme Horn – Orama Investimentos

João Luis Pirola – Inseed Investimentos

João Marcio Souza – Talenses Executive Search Consultoria em Recursos Humanos

Juliene Piniano – Derraik e Menezes

Julio Marques – Althaea Gestão Empresarial

Leandro Kayano – 2BCapital / Bradesco

Leila Loria – LEDconsultores

Leonardo Teixeira – Blue Whale Investimentos

Luciana Nazar – Fineggi Capital

Marcelo Arone – Optme Serviços de RH

Marcelo Nakawaga – Insper

Marcelo Sato – Astella Investimentos

Marcia Armellini – Sra

Marco Poli – ClosedGap

Marina Ramirez – InterCement

Mauricio Muramoto – Sindipeças

Mauricio Veiga da Silva – Cascione, Pulino, Boulos & Santos Sociedade de Advogados

Maysa Zardo – Derraik e Menezes

Natalie Sequerra – Graça Couto Advogados

Paulo Bardella Caparelli  – Viseu Advogados

Paulo de Sousa Oliveira Junior – Pro Financial

Paulo Sergio Gomes – Casa do Credito SCM

Pedro Ferreira – Derraik e Menezes

Renata Manhães – Benzecry e Pitta Advocacia Especializada

Robson Del Fiol – Founder Institute

Rodrigo Menezes – Derraik e Menezes

Thais de Gobbi – Machado Meyer

Thomaz Figueiredo – Provence Capital

Victor Castello Branco – Courrieros

 

Avaliação do evento

 

Acesse o formulário de avaliação clicando aqui.




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  inovação corporativa; venture capital; empreendedorismo Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Avanços no uso da blockchain
Próxima matéria
ICO: Uma boa ideia?



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Avanços no uso da blockchain
Patrocínio   Programação Plataforma de registro da moeda virtual bitcoin, a blockchain revela-se uma inovação...