Companhias Plurais

Como atuam as companhias que não têm a maximização do lucro como objetivo principal

Informações de Apoio / 5 de junho de 2018
Por     /    Versão para impressão Versão para impressão


Patrocínio

 

Programação

 

Quando se fala em diversidade no âmbito da governança, o primeiro tópico que vem à cabeça de muitas pessoas é a contratação de mais mulheres para os conselhos de administração. Mas a diversidade vai muito além disso — especialmente se ela for vista como um fator estratégico. Por trás da necessidade das organizações de terem mais mulheres em seus quadros, está a procura por ideias e opiniões que possam estimular uma visão diferente — e potencialmente inovadora — dos negócios. Essa mesma razão é o que motiva as áreas de recursos humanos a investirem na contratação de profissionais com idades, nacionalidades, habilidades e experiências de vida diversas. Como implementar uma política de diversidade eficaz? Quão difícil é formar um quadro de executivos com essa pluralidade? Qual o papel das lideranças nesse processo? De que forma a diversidade contribui para a competitividade das empresas? Companhias que prezam esse fator são mais inovadoras? Essas e outras questões serão debatidas nesse Grupo de Discussão. Participe!

 

8h15 – 9h00

Café da manhã

 

9h00 – 11h00

Debate

 

Andrea Chamma

Consultora de desenvolvimento estratégico na Andrea Chamma, consultora em inovação e conselhos. Membro do conselho de administração do Grupo Fleury. Possui larga experiência no mercado financeiro brasileiro e internacional, tendo participado em mais de 150 operações de mercado de capitais. Trabalhou em instituições internacionais como Bank of America Merrill Lynch, onde foi Vice Chairman e Chefe da área de vendas de ações, responsável pelo gerenciamento de relacionamentos com investidores institucionais no Brasil, EUA e na Europa. Também foi diretora na instituições Citi, ING e ABN aonde estruturou as áreas de ações, análise e implementou a corretora de valores. Envolvida com iniciativas de desenvolvimento de liderança e empoderamento feminino. Liderou o grupo de D&I (Diversidade e Inclusão) no Bank of America Merrill Lynch em 13 países, tendo recebido o Prêmio Global do banco pelo trabalho feito com desenvolvimento da liderança feminina.  Membro do grupo de diversidade de gênero do IBGC, (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa em conjunto com IFC e WCD), iniciativa que visa aumentar a diversidade em Conselhos de Adm. Lidera a iniciativa VOZES, no Grupo Mulheres do Brasil – (VOZES visa difundir modelos para estudantes de baixa renda, programa já atingiu 14.00 estudantes). Eleita em 2016 pela revista Forbes, como uma das mulheres mais influentes do Brasil. Recebeu também o prêmio Lide Jovem Pan “Quem faz Brasil melhor”. É formada em Administração de Empresas pela FGV – Fundação Getulio Vargas, e fez cursos de especialização em gestão empresarial nas universidades de Harvard, Columbia, Singularity, MIT, Schumacher College.

 

Henrique Luz

Sócio da PwC, presidente do Conselho de Administração do IBEF. Foi vice-presidente do CRC-RJ e do Ibracon – 5° Seção Regional. Bacharel em Ciências Contábeis pela Faculdade Cândido Mendes. Diversos cursos executivos em Universidades do Canadá, Estados Unidos e Argentina.

 

Karina Chaves

Gerente da área de Diversidade do Carrefour Brasil. Lidera, desde 2012, a plataforma de Valorização da Diversidade da empresa. Faz parte do Fórum LGBT de empresas, da Coalizão Empresarial para equidade racial e de Gênero, da Iniciativa Empresarial pela Igualdade Racial, da rede brasileira do Pacto Global, do Movimento Mulheres 360 e do Grupo de Trabalho de Direitos Humanos do Instituto Ethos. Graduada em psicologia pela UNESP, tem pós-graduação em Recursos Humanos pela FAAP e especialização em Sustentabilidade pela Dom Cabral.

 

Maristella Iannuzzi

Diretora global da Schneider Electric, responsável pela transformação digital dentro dos top 18 países da empresa. Lidera também a área de Diversidade e Inclusão para América do Sul, com grande foco em manter toda a região com os mesmos níveis de avanço para o empoderamento feminino e igualdade de gêneros. É graduada em Engenharia Mecatrônica pela Universidade Paulista, com especialização em Building Automation. Também é bacharel em Direito e pós-graduada em Estratégia Digital pela FGV.

 

Milene Schiavo

Associate Principal na Korn Ferry/Hay Group, tem experiência em todos os subsistemas de Recursos Humanos e trabalhou entregando projetos para diferentes empresas.  Antes de juntar-se ao time da Korn ferry, trabalhou com Desenvolvimento Organizacional (DO) no Santander e na Crefisa. Sua experiência prévia também inclui posições de gerente de recursos humanos em empresas de diferentes segmentos de Mercado. Essas experiências propiciaram a ela uma visão genralista e estratégica de como as pessoas podem apoiar e alavancar os resultados. Ao longo da sua carreira tem apoiado executivos com soluções relacionadas à força de trabalho, identificando oportunidades para o desenvolvimento dos talentos e dos negócios. Sua experiência é focada em programas de desenvolvimento; liderança; trilhas de carreira, programas de sucessão, estratégia de capacitação, gestão do desempenho, modelo de competências e diversidade e inclusão. Graduada em Administração de Empresas pela UFBa e em Comunicação Social pela UCSal. É pós-graduada em Marketing pela ESPM e em Recursos Humanos pela FAAP.

 

 

 

Participantes

Adriano Consentino – PNST ADVOGADOS

Alberto Lemos de Araujo Filho – MPRO

Anderson Felipe Aedo – B3

Andrea Chamma – Chamma Consultoria

Annibal Ribeiro Lima – Solid Adm. Patrimônio, Estratégia, Gestão e Governança

Antonio Rago – MINUPAR

Barbara Grings – Bgestão Empresarial

Bruno Duque – Porto Seguro

Camila Borba Lefevre – Vieira Rezende Advogados

Camila Pantera – B3

Catarina Costa  – PwC

Eliane Herika Tanaka – Banco do Brasil

Elisa Figueiredo – Fernandes Figueiredo Françoso e Petros Advogados

Fernando Goes – Delos Ventures

Flavia Cristiane Theobald Haubrich Nicolay – Rayes e Fagundes

Frederico Vasconcelos – STF Consultoria

Giovana Mais – PwC

Gustavo Boni dos Santos – Machado Associados

Gustavo Graça – In Press Porter Novelli

Henrique Luz – PwC

Juliana Contreiras de Brito – Consultoria

Juliana Frezarin – InterCement

Karina Chaves – Carrefour

Karina Principe – EDP Energias do Brasil

Larissa Gude – Fleury, Coimbra e Rhomberg Advogados

Leonardo Rocha – Norte Energia

Livia de Paula Freitas – Aegea

Luiz Pires – SulAmérica

Marcus Lima – Fernandes Figueiredo Françoso e Petros Advogados

Mariana Souza Queiroz Ferraz – ASGV Advogados

Maristella Iannuzzi – Schneider Electric

Mauro Cesar Leschziner – Machado Meyer Advogados

Melissa Wisnik – PwC

Miguel Lowndes Dale – MLD Consultoria Empresarial EIRELI

Milene Schiavo – Korn Ferry

Oduvaldo Lara Junior – TozziniFreire Advogados

Oscar Luiz Malvessi – Oscar Malvessi Consultoria em Valor

Otávio Villares de Freitas – OX8 Governança Corporativa

Rafael S. Mingone – RMG Capital

Renato Vetere – Albertoni Sociedade de Advogados

Roberto Lamb – UFRGS

Sabrina Gorsani Montovanelli Dutra – Benzecry e Pitta Advocacia Especializada

Soraya Rodrigues – Irko Organização Contabil

Talita Ramos – RMA Comunicação

Vinicius Ahmar  – Sitawi

Wanda Brandao – SulAmérica

 

Avaliação do evento

 

Acesse o formulário de avaliação clicando aqui.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Governança PwC diversidade Companhias plurais inclusão Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Comunicação interna nas transações de M&A
Próxima matéria
O futuro das fintechs



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também
Comunicação interna nas transações de M&A
Patrocínio   Programação   De acordo com relatório da PwC, o Brasil abrigou, em 2017, 643 operações...