Financiamento de projetos

Confira como foi o Grupo de Discussão Infraestrutura realizado no dia 10 de setembro de 2015

Grupos de Discussão / Infraestrutura / Encontros
Por     /    Versão para impressão Versão para impressão


patrocinio1

O rebaixamento da nota de crédito do Brasil pela Standard & Poor´s, anunciado na semana passada, é um obstáculo a mais para que o mercado de capitais possa alavancar projetos de infraestrutura, num momento em que o BNDES reduzirá sua participação no financiamento de empreendimentos. A decisão da agência de classificação de risco faz com que o retorno e o prazo dos papéis destinados a capitalizar as grandes obras do País possam ser afetados.

“O mercado de debêntures de infraestrutura sofre para emitir papéis com um prazo superior a dez anos e, agora, esse período pode diminuir para três a cinco anos”, afirma o presidente da BF Capital, Renato Sicupira. Para Paulo Boschiero, diretor da Infra Asset, o rebaixamento pressionará ainda mais a qualidade de elaboração dos projetos de infraestrutura, enquanto o governo terá de tornar os retornos mais atrativos. “Tarifa é preço, não tem o que fazer agora: ela precisará refletir o momento atual para atrair o investidor”, ressalta.

Se esses desafios forem superados, o diretor comercial da RB Capital, Daniel Magalhães, estima que as demandas de investimento nos setores de transportes e energia elétrica poderão criar um mercado potencial de R$ 30 bilhões anuais para instrumentos do mercado de capitais, como debêntures de infraestrutura, FDICs e CRIs.

• Confira os tuítes que publicamos durante o evento.

• Acompanhe a agenda completa dos próximos Grupos de Discussão.

Fotos: Régis Filho


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie

Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
12 anos da Capital Aberto
Próxima matéria
Distressed assets no Brasil




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
12 anos da Capital Aberto
Desde setembro de 2003, publicamos as mais variadas notícias sobre o mercado de capitais brasileiro. As reportagens retratam...