4ª edição – Debêntures de Infraestrutura em debate

10% de desconto para assinantes

Encontros/Parceiros
Por     /    Versão para impressão Versão para impressão


DebInfra4_CapitalAberto

O Programa de Investimento em Logística (PIL), lançado pelo governo no mês de junho, prevê investimentos na ordem de R$198 bilhões em 130 municípios e 20 Estados brasileiros. O governo, entretanto, reconhece que o Brasil ainda tem grandes dificuldades para conseguir investimentos de longo prazo.

Para superar este desafio, o BNDES anunciou, em 4 de agosto, o lançamento da Linha de Suporte à Liquidez (LSL) para juros de debêntures. A linha vai permitir que o emissor de debêntures de infraestrutura possa financiar, exclusivamente, os juros a serem pagos aos investidores em títulos emitidos em ofertas públicas. O produto foi estruturado a partir da experiência internacional de suporte à emissão de bonds, respeitadas as características e a legislação brasileiras. A estratégia é trazer novas fontes de financiamento para os projetos, aumentando a participação da iniciativa privada via mercado de capitais.

A IFC, membro do Grupo Banco Mundial e maior instituição de desenvolvimento global voltada para o setor privado nos países em desenvolvimento, pode ter papel fundamental na mitigação de riscos para o mercado em tempos de incertezas econômicas no Brasil.

A INOVA, desde 2012 atenta aos desafios e oportunidades deste importante instrumento de captação de recursos para financiamento de projetos de infraestrutura, formatou a 4ª edição das “Debêntures de Infraestrutura em debate”.

Participe deste encontro exclusivo de executivos do setor. Entenda as mudanças, os desafios e as oportunidades do financiamento de longo prazo via debêntures incentivadas para projetos de infraestrutura.

Renove suas informações com a INOVA, especialista em seminários e conteúdo para o mercado de capitais!


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 4,90 (nos 3 primeiros meses).
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Básica

R$ 4, 90*

Nos três primeiros meses

01 Acesso Digital
-
10% de Desconto em grupos de discussão e workshops
10% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$36,00

Completa

R$ 9, 90

Nos três primeiros meses

01 Acesso Digital
01 Edição Impressa
10% de Desconto em grupos de discussão e workshops
10% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$42,00

Corporativa

R$ 14, 90

Nos três primeiros meses

05 Acessos Digitais
01 Edição Impressa
15% de Desconto em grupos de discussão e workshops
15% de Desconto em cursos
Acervo Digital
sem áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$69,00

Clube de conhecimento

R$ 19, 90

Nos três primeiros meses

05 Acessos Digitais
01 Edição Impressa
20% de Desconto em grupos de discussão e workshops
20% de Desconto em cursos
Acervo Digital
com áudos**
A partir do 4° mês, o valor cobrado séra de R$89,00

**Áudios de todos os grupos de discussão e workshops.




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  debêntures BNDES infraestrutura financiamento captação Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Próxima matéria
Nove aprendizados de um fundo precursor em investimento semente



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





Leia também