Saneamento: o desafio dos municípios

Como os municípios brasileiros podem atrair capital privado para o setor

Grupos de Discussão / Encontros / Infraestrutura / 13 de janeiro de 2017
Por     /    Versão para impressão Versão para impressão

De acordo com o Plano Nacional de Saneamento, a universalização dos serviços de água e esgoto no Brasil requerem investimentos de cerca de R$ 300 bilhões em 20 anos, ou R$ 15 bilhões anuais até 2033 — meta considerada difícil de ser atingida até pela própria União. Hoje os investimentos público e privado no setor alcançam aproximadamente R$ 10 bilhões por ano. Isso significa que, no ritmo atual de investimentos, a universalização aconteceria apenas em 50 anos.

Diante desse déficit de recursos, que se acentua com a crise fiscal, os municípios surgem como peça-chave para atração de capital privado, seja por meio de concessões, subconcessões ou parcerias público-privadas (PPPs). Analistas estimam que, dos pouco mais de 5,5 mil municípios brasileiros, cerca de 1,2 mil ainda não possuem companhias próprias de saneamento, o que indica o grande potencial de parcerias na área. Neste Grupo de Discussão, discutimos as oportunidades, os desafios e as incertezas jurídicas que cercam os investimentos em saneamento nos municípios.

Clique aqui e confira a reportagem Conjuntura atrai capital privado para o setor de saneamento, gerada a partir do Grupo de Discussão.

Assista ao vídeo com os melhores momentos do evento.

Ficou curioso? Ouça a íntegra do encontro no Clube de Conhecimento!

Fotos: Régis Filho



Participe da Capital Aberto: Assine Experimente Anuncie


Tags:  infraestrutura investimento municípios grupo de discussão saneamento concessões subconcessões ou parcerias público-privadas PPPs

Compartilhe: 


Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Agentes fiduciários sob nova regulamentação
Próxima matéria
Investimentos alternativos no Brasil




Recomendado para você




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Agentes fiduciários sob nova regulamentação
Em 20 de dezembro de 2016, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) editou nova norma para regulamentação do exercício...