Emissões de cotas de FIIs dobram em relação a 2005

Edição 40 / 1 de dezembro de 2006
Por 


As emissões de cotas de fundos imobiliários neste ano já superam em mais de 100% as de 2005. Até novembro foram R$ 76 milhões, enquanto no exercício anterior o volume somou R$ 35,3 milhões. A cifra ganhou impulso no último mês, com a oferta de 45 mil cotas, ao preço de R$ 1 mil cada, do fundo HG Brasil Shopping FII, administrado pela corretora Hedging-Griffo. A colocação atingiu tanto investidores do varejo quanto institucionais.

Outro sinal da retomada do setor foi a aquisição, em outubro, pelo fundo Comercial Progressivo II, lançado em agosto deste ano, das lojas próprias da rede varejista C&A. Além disso, estão em análise na CVM a oferta primária de R$ 27 milhões em cotas do fundo Andromeda, liderada pela Coinvalores, e a oferta secundária de R$ 35,4 milhões do fundo Nossa Senhora de Lourdes, sob o comando do Banco Ourinvest. Se somadas as ofertas em análise aos valores já captados, 2006 pode fechar com movimentação de R$ 138,4 milhões.

O mercado já espera que 2007 seja o ano da retomada das ofertas desse tipo de fundo — que vinha sendo preterido em relação a outros instrumentos de financiamento do setor, como os CRIs e FIDCs. Um dos sinais de aquecimento é o interesse do investidor pessoa física, estimulado pela isenção fiscal concedida há um ano para as aplicações em fundos imobiliários. O benefício foi colocado à prova — e passou no teste — no mês de outubro. A Ourinvest colocou no mercado secundário 300 mil cotas do fundo Nossa Senhora de Lourdes, ao preço de R$ 100 cada, captando R$ 30 milhões com investidores exclusivamente do varejo. E, segundo dados da CVM, uma nova captação, ainda maior, está por vir.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie

Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
O ano imperdível
Próxima matéria
Setor imobiliário chega em peso aos pregões da Bovespa




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
O ano imperdível
Se algum especialista em mercado de capitais tiver decidido tirar umas férias durante todo o ano 2006, aqui vai um aviso:...