BNDESPar faz publicidade de suas debêntures

Edição 40 / 1 de dezembro de 2006
Por 


A empresa de participações do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDESPar) lançou, em novembro, a maior oferta de debêntures para investidores pessoa física já realizada no País. Dos 500 mil títulos, 30% estão reservados para o varejo. Cada investidor pode adquirir, no mínimo, uma debênture — com valor nominal unitário de R$ 1.000 — e, no máximo, 500. Para estimular a adesão desse público, uma ampla campanha publicitária foi desenvolvida, com o apelo de uma nova alternativa de investimento e forte conteúdo educacional.

A divulgação na internet abrange banners, links patrocinados em sites de busca e um website que detalha as informações típicas dos prospectos de oferta, numa linguagem acessível e adequada para leigos. Um serviço de atendimento para solução de dúvidas e para orientar os interessados sobre como proceder é oferecido por telefone, através de uma central de chamadas gratuitas.

Na ocasião de sua última oferta de ações, realizada em junho, em que também destinou 30% dos papéis para o varejo, o Banco do Brasil adotou estratégia semelhante. A campanha publicitária chegou a incluir a utilização de merchandising na novela das oito da Rede Globo, em que a personagem de Fernanda Montenegro recomendava a uma amiga a compra de ações do banco.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie

Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Sinais de mudança
Próxima matéria
Embraer divulga perspectivas de longo prazo




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Sinais de mudança
Dezembro é, tradicionalmente, o mês em que pouca coisa acontece no mundo dos negócios. Com a proximidade de um novo ano,...