Associação pede providências contra retaliações a analistas nos EUA

Internacional / Edição 23 / 1 de julho de 2005
Por 


A Securities Industry Association (SIA), voz de mais de 600 empresas de valores mobiliários nos Estados Unidos, enviou uma carta à Securities and Exchange Commission (SEC) solicitando providências para os casos de retaliação aos analistas de investimentos. Segundo a entidade, algumas companhias estão preparando represálias aos profissionais que elaboram relatórios que as desagradam. “Quando as corporações se esforçam para punir analistas devido à publicação de relatórios considerados por elas negativos, estão minando a integridade do processo de analise, suprimindo o fluxo livre de informação e prejudicando o mercado e os investidores”, afirma Ira Hammerman, conselheiro da SIA.

Segundo o executivo, as punições passam pela recusa à resposta de questões em conference calls, a restrição do acesso à administração no mesmo nível dos colegas e por ameaças de prejuízos financeiros e morais à corretora na qual atua o analista. Por enquanto, a SIA pede que as agências auto-reguladoras norteamericanas analisem o assunto e apóia os esforços da Nyse e da Nasd para harmonizar as regras aplicadas aos analistas.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  EUA SEC SIA Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Salários de executivos disponíveis na internet
Próxima matéria
Nova direção na SEC




Recomendado para você




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Salários de executivos disponíveis na internet
Os investidores norte-americanos já podem contar com mais um aliado quando o assunto é a divulgação de informações...