Mercado de CFOs tem reviravolta nos EUA

Internacional / Edição 21 / 1 de maio de 2005
Por 


O mercado de diretores financeiros nos Estados Unidos passou por uma profunda modificação no ano passado. Segundo estudo da Russel Reynolds Associates – empresa global de recrutamento – elaborado no primeiro trimestre de 2005 com as 500 maiores companhias da revista Fortune, as trocas de CFOs cresceram 23% em 2004 ante o ano anterior.

Os pedidos de demissão também aumentaram 21% de 2003 para 2004. Para Lorraine Hack, consultora da Russel, o rigor da lei Sarbanes-Oxley é um dos fatores que contribuiu para as trocas dos diretores financeiros. “Ser um CFO de uma companhia aberta está sendo mais desafiador e menos atrativo devido à maior demanda por controles”, afirma.

A pesquisa mostra que as trocas de controllers cresceram 25%, enquanto as demissões do cargo subiram 400%. De acordo com a Russel, a substituição dos postos de controllers ocorreu por um aumento de 29% na taxa de promoções. “Houve um tempo na década de 90 em que as firmas cortavam custos na área financeira. Agora, particularmente para os controllers, este é o momento de brilhar”, opinou Eric Rehmann, consultor da Russel.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie

Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Custos com a SOX prometem cair em 2005
Próxima matéria
Fitch lança código em linha com Iosco




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Custos com a SOX prometem cair em 2005
Um estudo divulgado no final de abril pela Charles Rivers Associates (CRA) indicou que os custos com controles internos exigidos...