Investidores esperam melhor custo-benefício para a SOX

Internacional / Edição 20 / 1 de abril de 2005
Por 


A Sarbanes-Oxley (SOX), lei aprovada pelo congresso norteamericano em 2002, não sai da pauta nos Estados Unidos. Desta vez, quem está com a palavra são os investidores. Em pesquisa realizada com 105 investidores institucionais e analistas no mercado norte-americano, divulgada no início de março, a consultoria Broadgate Consultants mostra que esses profissionais vêem com reserva a implementação da nova lei.

Para 83% dos entrevistados, as regras relacionadas à certificação dos controles internos pelos auditores e executivos, previstas na seção 404, deveriam ser modificadas para que se tenha um maior custo-benefício. Segundo 54,8% dos investidores, os executivos de relações com investidores se tornaram menos prestativos depois da implementação da SOX, uma vez que passaram a ter menos tempo para atendê-los.

No que diz respeito aos prazos de cumprimento das exigências, aproximadamente 33% dos pesquisados defenderam que a Securities and Exchange Commission (SEC) prorrogasse a data para as companhias estrangeiras entregarem os relatórios de controles internos solicitados pelo órgão, como, de fato, foi feito pela comissão em fevereiro. A maioria (47%), contudo, preferia que o prazo tivesse sido mantido.

Ciente das reclamações para cumprimento da SOX, a SEC decidiu promover em 13 de abril um encontro com empresas, auditores, investidores e outras partes interessadas para ouvir as principais dificuldades na implementação da seção 404 da lei. O encontro será aberto ao público e transmitido via internet.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie

Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Remuneração dos executivos requer mais transparência
Próxima matéria
A essência venceu a forma




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
Remuneração dos executivos requer mais transparência
A pesquisa conduzida pela consultoria Broadgate Consultants mostrou também que a transparência na remuneração dos executivos...