Prazos menores para balanços aproximam lucros das projeções

Internacional / Edição 18 / 1 de fevereiro de 2005
Por 


A redução dos prazos para entrega de balanços nos Estados Unidos – que passou de 45 para 35 dias nos balanços trimestrais e de 90 para 60 dias nos demonstrativos anuais, conforme normas da SEC adotadas em agosto de 2002 – e controles implementados para atender à Sarbanes-Oxley aproximaram os resultados financeiros das companhias norte-americanas das projeções dos analistas de mercado, concluiu a Parson Consulting Group, em estudo divulgado em janeiro. Segundo o levantamento, o número de companhias do S&P500 cujos lucros por ação tiveram diferenças de pelo menos 10% em relação às projeções dos analistas caiu para 29,7% no terceiro trimestre do ano passado, o menor nível desde janeiro de 2003, quando a Parson iniciou o estudo.

“A necessidade de reportar os resultados mais rapidamente à SEC está levando as companhias a melhorar seus processos e a empregar sistemas mais sofisticados, o que amplia as possibilidades de acerto das projeções”, afirma a Parson em material de divulgação do estudo. A pesquisa mostra que as maiores disparidades entre projeções e resultados continuam acontecendo no setor de alta tecnologia. No quarto trimestre, 39,6% das companhias do segmento se distanciaram pelo menos 10% das estimativas dos analistas. Na maior parte dos casos, os cálculos superestimaram os resultados.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a algumas reportagens.

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie

Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
SEC avalia nova regra para os prospectos
Próxima matéria
A dura realidade da SOX




Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
SEC avalia nova regra para os prospectos
A SEC estuda facilitar a divulgação de informações nos processos de ofertas públicas iniciais de ações (IPOs), segundo...