Pesquisar

|

|

Pesquisar
Close this search box.
Ofertas de DRs caem pela metade

No mundo, 21 ofertas de depositary receipts (DRs) captaram US$ 3,8 bilhões no primeiro semestre deste ano, de acordo com dados do BNY Mellon.

Os números são bastante inferiores aos registrados no mesmo período de 2014, quando 41 operações levantaram U$$ 9,1 bilhões. Europa, Oriente Médio e África foram as regiões mais ativas em emissões: 11 ofertas arrecadaram cerca de US$ 1,4 bilhão. As companhias farmacêuticas e de biotecnologia responderam por quase um terço (US$ 1,3 bilhão) do total captado. Nem tudo, entretanto, vai mal no universo dos DRs.

O volume de negociação desses ativos no primeiro semestre subiu para o mais alto nível em quatro anos, atingindo US$ 81,6 bilhões. Os recibos de empresas do segmento bancário foram os mais negociados, seguidos dos DRs de emissoras das áreas de petróleo, gás e combustíveis, e metais e mineração.


Para continuar lendo, cadastre-se!
E ganhe acesso gratuito
a 3 conteúdos mensalmente.


Ou assine a partir de R$ 34,40/mês!
Você terá acesso permanente
e ilimitado ao portal, além de descontos
especiais em cursos e webinars.


Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o limite de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês.

Faça agora uma assinatura e tenha acesso ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais


Ja é assinante? Clique aqui

Acompanhe a newsletter

Leia também

mais
conteúdos

APROVEITE!

Adquira a Assinatura Superior por apenas R$ 0,90 no primeiro mês e tenha acesso ilimitado aos conteúdos no portal e no App.

Use o cupom 90centavos no carrinho.

A partir do 2º mês a parcela será de R$ 48,00.
Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.