Pesquisar
Close this search box.

Reportagens

Miscelânea contábil

Padrão internacional entra em vigor na Europa a partir de 2005 e autoridades definem as regras para os emissores de títulos no continente. Se não houver acordo com os Estados Unidos, empresas correm o risco de ter que divulgar balanços em três versões


O boom das assets

As gestoras independentes já são mais de 50 e administram R$ 12 bilhões em recursos de terceiros. A dúvida é se o mercado guarda espaço para todas elas


No apagar das luzes

Fraudes comprometem a indústria de fundos mútuos nos Estados Unidos e impõem multas milionárias a algumas das marcas mais famosas do setor financeiro


Rédeas curtas

CVM lança normas para dar mais transparência à indústria de fundos


Breve suspiro

Fundos de ações ganharam força em dezembro e janeiro, mas o movimento foi logo interrompido pela instabilidade na bolsa. Ainda assim, há quem aposte em um ano bom para a captação dessas carteiras, por conta dos juros menores


Para onde eles estão olhando

Descubra nas próximas páginas o que os gestores dos fundos de ações mais rentáveis esperam para a bolsa em 2004, em que papéis apostam e como fazem para administrar com eficiência seus portfólios


Ano sem trégua

Empresas ampliam exportações, reajustam preços, enxugam custos e renovam suas linhas de produtos. Tudo para somente empatar em rentabilidade com 2002


Vitrine na Europa

Latibex cria novo índice de ações para atrair investidores e, apesar da pouca liquidez, se consolida como uma oportunidade de exposição a baixo custo no continente europeu


Conflito de ideias

Conselhinho reverte decisão da CVM sobre caso Telemar e retoma discussão sobre o direito de voto


Catálogo de valores

É hora de preparar o relatório anual e atentar para o que dizem os especialistas no assunto: orçamentos mais modestos podem dar conta do recado e até ajudar a comunicar o que realmente interessa


Produção em série

Sai a instrução CVM que cria a debênture padronizada e reduz o prazo de análise de emissão de 60 para cinco dias úteis. Mais uma tentativa de dar transparência e liquidez ao mercado secundário


Vêm aí os Cepacs

Em operação inédita, Prefeitura de São Paulo recorre ao mercado de capitais para financiar obras públicas sem aumentar seu endividamento. Para os tomadores de risco, mais uma oportunidade de investimento na área imobiliária


APROVEITE!

Adquira a Assinatura Superior por apenas R$ 0,90 no primeiro mês e tenha acesso ilimitado aos conteúdos no portal e no App.

Use o cupom 90centavos no carrinho.

A partir do 2º mês a parcela será de R$ 48,00.
Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.