Buffett: Bitcoin é uma miragem

26/03/2014

Blog da Redação / Blogs / 26 de março de 2014
Por     /    Versão para impressão Versão para impressão


O bitcoin é complicado. É difícil falar dele sem ter uma discussão quase filosófica sobre o que é uma moeda, quais as suas funções e o que garante seu valor. Muitos apostam que a moeda virtual, com número escasso de unidades e minerada por meio de complexos cálculos matemáticos, é o futuro do dinheiro. Para os mais liberais (ou mesmo para os mais anarquistas), defensores do fim das fronteiras comerciais, o bitcoin é mais que isso: tem potencial para revolucionar a ordem mundial. Afinal, se os países não tiverem poder sobre o meio de troca utilizado pelas pessoas, perdem muito da capacidade de intervir na economia — e, de certa forma, na vida dos indivíduos.

Quem duvida que o bitcoin seja tudo isso tem, agora, um excelente argumento de autoridade, ainda que isso seja uma mera falácia lógica na maioria das vezes. Warren Buffett, o mais incensado investidor internacional, respeitado pelas suas apostas certeiras e pelo seu gosto pelo que é tangível, disse em entrevista ao canal CNBC, há poucos dias, que o bitcoin é uma miragem e não tem nenhum valor intrínseco. “Fique longe disso”, disse ele.

Ele causou reações, digamos assim, pouco sutis. Marc Andreessen, presidente da empresa de software Opsware e cofundador da Netscape, disse que Buffett era um velho criticando uma tecnologia que ele sequer entende. Depois Andreessen tentou contemporizar, dizendo o quanto admira o senhor de Nebraska e que o próprio já havia admitido anos antes que não entendia do setor de tecnologia. Este texto de Henry Blodget, do Business Insider, traz um contraponto interessante às críticas de Andreessen: não é que Buffett não entenda do setor de tecnologia; ele entende, mas sabe que ele é arriscado. Nessa área, muitas empresas surgem a cada ano. O que o velho Warren percebeu há muito tempo, é que é difícil notar qual delas vai ser uma vencedora e comprá-la a tempo e por preços razoáveis. Já com relação ao bitcoin em si, Blodget concorda com o investidor em pelo menos um ponto: valor intrínseco não há.

 


Quer continuar lendo?

Você já leu {{limit_offline}} conteúdo(s). Gostaria de ler mais {{limit_online}} gratuitamente?
Faça um cadastro!

Tenha o melhor conteúdo do mercado de capitais sem limites ou interrupção.
Assine a partir de R$ 36/mês!
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} reportagens gratuitas

Seja um assinante!

Você atingiu o limite de reportagens gratuitas. Que tal se tornar nosso assinante? Além do acesso ao mais especializado conteúdo do mercado de capitais, você terá descontos de até 30% em nossos encontros e cursos. Aproveite!


Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Warren Buffett Bitcoin moeda Marc Andreessen Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
2º CONEFIN – Congresso Nacional de Educação Financeira
Próxima matéria
O Iasb nos traindo?




Recomendado para você




1 comentário

Mar 27, 2014

Mercados sem regulação são campo fértil para desvios e jogatinas. Concordo com o guru em ficar longe disso.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Leia também
2º CONEFIN – Congresso Nacional de Educação Financeira
O 2º Congresso de Educação Financeira – CONEFIN será realizado no dia 27 de setembro, no Centro Fecomercio de Eventos...