A corrida rumo ao IBGC

13/3/2014



A renovação quase completa do quadro de conselheiros do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) está acirrando a disputa eleitoral para o próximo biênio (2014-2016). Da atual gestão, apenas Sandra Guerra, que preside o instituto, concorre à reeleição.

A votação será realizada no próximo dia 25, durante a assembleia geral. Até lá, corre solta a campanha dos 15 candidatos — que concorrem às nove vagas do board.

Alguns nomes saíram na frente, pois ganharam apoio da Comissão de Indicação do IBGC. O órgão indica candidatos a conselheiros para estimular a candidatura de profissionais de perfil variado. Além de Sandra, a comissão recomenda os nomes de Eliane Lustosa, Emílio Carazzai, Fernando Alves, Luiz Carlos de Queiroz Cabrera, Marta Viegas, Martin Roberto Glogowsky, Oscar Boronat Vallverdú, Ricardo Egydio Setubal, Robert Juenemann e Roberto Waack.

Boris Poluhoff, Eduardo Chehab, Marcus Antônio Tofanelli e Renato Chaves são os candidatos que correm por fora. E lutam como podem para angariar votos. Vale até cotovelada.

Chehab, assim como outros concorrentes, enviou e-mail para anunciar sua entrada no pleito. Promete batalhar pelas melhores práticas de governança nas empresas de capital fechado, área em que atua como consultor.

Renato Chaves usou seu blog para divulgar a candidatura. Questionado por um leitor pelo fato de não integrar a lista de indicados pelo IBGC, apesar de sua larga experiência na área, o consultor respondeu que “pessoas com posicionamentos firmes e por vezes até polêmicos não se enquadram no status quo”. E ainda alfinetou: “É de se estranhar a presença (entre os recomendados) de candidatos que atuam como administradores em empresas que afrontam a CVM e o próprio Código de Melhores Práticas do Instituto ao não divulgarem a remuneração máxima, média e mínima de administradores”.


Quer continuar lendo?

Faça um cadastro rápido e tenha acesso gratuito a três reportagens mensalmente.
Você está lendo {{count_online}} de {{limit_online}} matérias gratuitas por mês

Você atingiu o seu limite de {{limit_online}} matérias por mês. X

Ja é assinante? Entre aqui >

ou

Aproveite e tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo sobre mercado de capitais!

Acessar loja >




Participe da Capital Aberto:  Assine Anuncie


Tags:  Governança Corporativa IBGC conselho de administração CAPITAL ABERTO mercado de capitais eleição blog da redação Encontrou algum erro? Envie um e-mail



Matéria anterior
Os Desafios da implementação da Lei Anticorrupção
Próxima matéria
BM&FBovespa exibe datacenter e manda recado para concorrentes



Comentários

Escreva o seu comentário sobre este texto!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Recomendado para você





APROVEITE!

Adquira a Assinatura Superior por apenas R$ 0,90 no primeiro mês e tenha acesso ilimitado aos conteúdos no portal e no App.

Use o cupom 90centavos no carrinho.

A partir do 2º mês a parcela será de R$ 48,00.
Você pode cancelar a sua assinatura a qualquer momento.

Leia também
Os Desafios da implementação da Lei Anticorrupção
No dia 19 de março de 2014, a CAPITAL ABERTO realizou o seu décimo workshop, sobre os desafios da Lei Anticorrupção na sede...