Ney Carvalho

A primeira quebra

O inglês John Peter Hobkirk foi o responsável pela primeira falência registrada na Bolsa do Rio, na metade do século 19


Zangões fora da colmeia

No século 19, os corretores oficiais da Bolsa do Rio buscaram evitar o acesso dos intermediários livres ao pregão


Carnaval legislativo

Em fevereiro de 1967, o governo militar editou 81 decretos-lei em 13 dias; alguns buscavam estimular o mercado de ações


À frente do seu tempo

Os estatutos do Banco Comercial do Rio de Janeiro previam práticas econômicas e societárias bastante avançadas


Self-made man do século 19

Diligente e tenaz, Irineu assumiu, já aos 22 anos, o comando de uma grande firma comercial do Rio de Janeiro


Bonita e problemática

Construída ao longo de três décadas, a sede da Bolsa do Rio na Rua 1º de Março foi usada por apenas vinte anos


{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}